Academicos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (523 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
 
Quanto a forma de elaboração do fichamento, penso ser apropriado que este seja feito com ao menos duas (2) colunas para melhor divisão e clareza, mas não mais do que quatro (4) a fim de nãotorná-lo detalhado demais. O modelo que apresentoparcialmente abaixo dispõe de três (3).
 
Itens | Conteúdo | Observação do Aluno |
1. Tipo de Obra | Livro |   |
1.1 Ano da Publicação | 1999 |   |1.2. Editora | Paz e Terra |   |
1.2.1. Edição | 1ª Edição |   |
1.2.2. Páginas | 530 páginas |   |
1.3. Título | O Poder da Identidade | Trata-se do volume II de uma mesma obra publicada em 3livros. |
1.3.1. Título original | The Power of Identity |   |
1.3.2. Título do Capítulo. | Capítulo I – Paraísos Comunais: identidade e significado das Sociedades em Rede (pág. 21 a 92). | Li partedo capítulo, que foi solicitado pelo professor, mas que não apresentava subdivisão. |
1.4. Localização | Biblioteca da Fundação Escola Sociologia e Política | Há três exemplares na biblioteca, maso que obtive é o que se encontra em pior estado. |
1.5. Autor | Manuel Castells |   |
1.5.1. Tradutor | Klauss Brandini Gerhardt |   |
2. Tema | Mudança Social, Sociologia |   |
2.1.Palavras-chaves | Capitalismo; Cultura; Conflitos; Etnias; Identidade; Mudança Social; Poder; Povos. |   |
(....) | (....) | (...) |
5. Comentários | Considerei a obra difícil seja por se tratar de um temaque eu desconhecia, mas também pela quantidade de termos novos para mim. Entretanto, aprendi bastante depois de fazer uma segunda leitura e constato que o autor trata da profundidade da mudançasocial no mundo globalizado e o quanto isto impacta na cultura dos povos e na sua existência. Em minha opinião, Manuel Castells tem uma visão bem pessimista sobre este processo, embora admita que algunsprocessos bem interessantes também ocorram. |   |
5.1. | Quero saber a opinião do professor sobre esta obra. Será que ele considera que o autor tem uma opinião muito negativa da mudança social...
tracking img