097301860281

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2289 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 12 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Texto 1 - Etapa 1 - Fundamentos


Movimento de Reconceituação

Historicamente é correto afirmar que o início do trabalho do assistente social nos anos 30, era vinculado a igreja católica, o serviço social sempre exerceu um trabalho assintencialista, o que levava o profissional a ser associado a pessoas que fazem caridade. Exercendo uma atuação conservadora evoltada para o olhar do estado e não necessariamente para o público alvo de atendimento.

Ao chegar em meados das décadas de 1950 /1960, surgiu a necessidade do trabalho do assistente social passar por uma reforma em sua atuação, no momento em que deparou com uma crise no país durante a ditadura militar, além disso, o profissional já não estava satisfeito com a forma tradicional de trabalho emque o governo queria mantê-lo.

No entanto, o serviço social é bastante marcado com suas ideias e possibilidades de mudança na época do regime militar (1964/1985). Neste período o país foi governado por militares como o General Castelo Branco, Arthur da Costa e Silva, Emílio Garrastazo Médice, Ernesto Geisel e João Baptista Figueiredo. Também podemos ressaltar que o período do governo Médice(1968/1973), foi marcado como “Anos de Chumbo”, onde se obteve grande aumento de repressão e censura, mas o Brasil passou por um milagre econômico e seu desenvolvimento se devia a projetos financiados por capital externo, com isso, a economia cresceu em uma média de 12% ao ano. Mas mesmo com a economia estável, o poder econômico se concentrava nas mãos do poder que dominava, ou seja, os militares.Paradoxalmente a ditadura militar que no Brasil proporcionou o fortalecimento do conservadorismo no interior da profissão, foi também responsável no primeiro momento a uma renovação modernizadora da profissão ainda que sob uma direção fascista imposta por esta conjuntura, possibilitou também a emergência da renovação da categoria profissional, dando inicio ao processo de ruptura profissional,emressonâncias das tendências que, na Reconceituação, apontavam para uma crítica radical ao tradicionalismo

Para a classe dominante não era interessante que a população se desenvolvesse culturalmente, para que não aprendessem a ir contra a situação que estavam vivendo naquele momento.

Deparando -se com uma grande parte da população com baixos salários, que mal dava pra sobrevivência ou atémesmo desempregados, o assistente social precisava ser devidamente habilitado para essa nova demanda, mas esbarravam em uma classe que mantinham o poder concentrado em suas mãos, onde os direitos dos cidadãos eram impedidos de serem exercidos. Não havia democracia e quem fosse contra o regime , sofria perseguições, repressão ou até mesmo desapareciam sem deixar rastros. Diante destas questões, oserviço social se conscientizava cada vez mais que era imprescindível haver uma ruptura com seus conceitos conservadores de atuação. Mas essa inconformidade não era existente somente em nosso país, na América Latina também se iniciava um movimento de reconceituação do serviço social, pois eles também não se conformavam com a limitação profissional em sua área de atuação.

As primeiras movimentaçõespara o início da reconceituação foram dadas pelo reconhecimento da compreensão da dinâmica social, metodologicamente falando, pois o serviço social se baseava na atuação americana e a realidade brasileira era muito diferente.

Nas décadas de 50/60 e início de 70 tivemos um destaque especial no desenvolvimento divulgado amplamente pela ONU e OEA, também grandes projetos foram difundidos com oapoio de instituições públicas , como a SUDENE, SUDAM, SUDESUL, e também por iniciativa da igreja católica.

No Brasil aconteceram vários encontros regionais, os quais:

1964 primeira manifestação grupal de crítica ao serviço social tradicional e ensaio de reconceituação. Dando maior importância a crítica quanto ao aspecto economicista e adota o processo de conscientização na linha de...
tracking img