Virus

Páginas: 5 (1117 palavras) Publicado: 1 de outubro de 2013
Aluna: Data: --/--/2013
Disciplina: Biologia Professora:

Vírus

Vírus são organismos extremamente pequenos, formados basicamente por uma cápsula proteica envolvendo o material genético. Existem milhares espécies diferentes de vírus. O mais comum é o vírus da gripe. Esses organismos só podem se multiplicam, quando estão em um hospedeiro, no caso as células dos seres vivos.Os vírus realmente são seres incríveis, como por exemplo, o vírus do HIV, vive em constante mudança, assim o ser humano não consegue uma maneira de combater esse vírus, mesmo com muito estudo, vários testes não há como mata-lo.
É inexplicável como algo pode estar “morto” e quando acha um hospedeiro ele esta “vivo” e totalmente ativo, lutando contra a célula e causando inúmeras doenças. Tentoimaginar o que e como isso acontece, é como se o vírus fosse um ser racional, e tão inteligente quanto o ser humano, sabendo lutar contra a morte de uma maneira surpreendente, é um organismo que não conseguimos ver a olho nu, porém quando somos seu hospedeiro o sentimos de uma tal forma que é como se estivesse lutando contra todo nosso organismo de uma vez só, não apenas contra as células.Estudar os vírus é algo que esta me surpreendendo, a cada hora, pois não imaginei o quanto esse organismo era pequeno, o quanto eles são perigosos, mas ao mesmo tempo incríveis pelo sua “inteligência”.
Em meados do século XIX, Louis Pasteur propôs a teoria microbiana das doenças, na qual explicava que todas as doenças eram causadas e propagadas por algum “tipo de vida diminuta”, quemultiplicava-se no organismo doente, transmitia-se para outro e o contaminava. Pasteur, no entanto, ao trabalhar com a raiva, constatou que, embora a doença fosse contagiosa e transmitida pela mordida de um animal raivoso, o micro-organismo não podia ser observado. Pasteur concluiu que o agente infeccioso estava presente mas era muito pequeno para ser observado através do microscópio.6
Em 1884, omicrobiologista Charles Chamberland desenvolveu um filtro (conhecido como filtro Chamberland ou Chamberland-Pasteur), com poros menores que bactérias. Assim, ele conseguiu filtrar uma solução com bactérias, removendo-as por completo da solução.7 Em 1886, Adolf Mayer demonstrou que a doença do tabaco podia ser transmitida à plantas saudáveis pela inoculação com extratos de plantas doentes.8 9 Em 1892, o biólogoDmitry Ivanovsky fez uso do filtro Chamberland para demonstrar que folhas de tabaco infectadas trituradas continuavam infectadas mesmo após a filtragem.10 11 Ivanovsky sugeriu que a infecção poderia ser causada por uma toxina produzida pelas bactérias, mas ele não persistiu nesta hipótese.12 Em 1898, o microbiologista Martinus Beijerinck repetiu a experiência independentemente e ficou convencidoque a solução filtrada continha um novo agente infeccioso, denominado de contagium vivum fluidum (fluido vivo contagioso).13 14 Ele também observou que este agente apenas se reproduzia em células que se dividiam, mas não conseguiu determinar se este seria constituído de partículas, assumindo que os vírus estariam presentes no estado líquido.15 Beijerinck introduziu o termo 'vírus' para indicar queo agente causal da doença do mosaico do tabaco não tinha uma natureza bacteriana, e sua descoberta é considerada como o marco inicial da virologia.16 A teoria do estado líquido do agente foi questionada nos 25 anos seguintes, sendo descartada com o desenvolvimento de teste da placa por d'Herelle em 1917,17 18 pela cristalização desenvolvida por Wendell Meredith Stanley em 193519 20 e pelaprimeira microfotografia eletrônica realizada em 1939 do vírus do mosaico do tabaco.21 22
Em 1898, Friedrich Loeffler e Paul Frosch identificaram o primeiro agente filtrável de animais, o vírus da febre aftosa (Aphtovirus).23 E em 1901, Walter Reed identificou o primeiro vírus humano, o vírus da febre amarela (Flavivirus).24 Em 1908, Vilhelm Ellerman e Olaf Bang demonstraram o potencial oncogênico de...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Vírus
  • virus
  • vírus
  • virus
  • virus
  • Vírus
  • virus
  • Vírus

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!