Trabalho De Rea Es Adversas E O Profissional De Estetica

Páginas: 8 (1966 palavras) Publicado: 9 de junho de 2015
00


































































SUMÁRIO
1 Resumo: 3
2 Introdução 4
3 Desenvolvimento. 5
3.1 Cosmeticos. 5
4 Reações adversas 6
5 Explicando algumas reações alergicas. 7
5.1 Irritação subjetiva ou pele sensível. 7
5.2 Dermatite de contato por irritaçâo agudaou cronica. 7
5.3 Dermatite alérgica. 7
5.4 Dermatite fototoxica e fotoalergicas. 8
5.5 Dermatiteatópica. 8
6 Principais agêntes causadores. 9
7 Cosmetovigilância. 10
8 Cosmetovigilância e o proficional de estética. 11
9 Analisando os dados obtidos. 12
10 Conclusão. 13
11 Referências. 14

1 resumo:
Segundo a legislação brasileira de cosméticos são definidos como produto de uso externo, destinados à proteção ou embelezamento das diferentes partes do corpo. Apesar de serem considerados seguros eusados de forma inadequada ou sem orientação de um profissional podem vir causar possíveis reações adversas aos seus usuários sendo fundamental a saúde publica a vigilâncias desses produtos.
Por esse motivo a ANVISA, em dezembro de 2005 publica uma resolução ao qual define a implantação de um sistema de cosmetovigilância por parte da indústria de produto cosmética. Esta RDC visa melhorar a comunicaçãoentre usuários e fabricantes para relatar problemas ocorridos devido ao uso desses produtos.
Em 2009 foi elaborado um artigo por Cipriano e Thibes onde sugere que o profissional da estética seja incluído nesta corrente de informações, servindo de elo entre indústria e também e o consumidor.
A partir deste contexto este artigo tem como objetivo através de uma revisão bibliográfica demostrar aoprofissional da área de estética, relatando e diferenciando, as principais reações adversas a produto, cosméticos demonstrando assim a importância de relata-las na fixa de anamnese usadas durante os procedimentos realizados com o uso do mesmo.

2 introdução
Devido a grande procura e a alta comercialização a indústria cosmética lança constantemente novas formulações no mercado. O alto perfil desegurança faz com que o profissional da estética sinta apto a utilizar novos produtos e sem ter conhecimento da substância contido nestas composições das possíveis reações adversas que podem vir causar.
Com o objetivo de facilitar as descobertas das reações indesejáveis causadas por produtos cosméticos e na tentativa de impedir novos casos a ANVISA determina a implantações de um sistema decosmetovigilância por fabricantes e importadoras de produtos de higiene pessoal, cosméticos e perfumes, que visa melhorar a comunicação entre fabricantes e usuários sobre problemas decorrentes do uso, defeitos de qualidade e efeitos indesejáveis (ANVISA 2005).
Quando discute segurança de produtos cosméticos deve se saber que nenhuma substância química é segura, pois até a água em qualidades inadequadas ouusadas incorretamente pode causar perigo a pele.
Em decorrência a relatos sobre reações adversas a cosméticos surge a necessidade de relatar e diferenciar as principais reações adversas a produtos cosméticos demostrando assim ao profissional da área de estética a importância de relatar na fixa de anamnese usadas durante os procedimentos.

3 desenvolvimento.
3.1 cosmeticos.
Para a ANVISA produtos dehigiene pessoal, cosméticos perfumes são definidos como preparação constituída de substância naturais ou sintéticas usados em diversa parte do corpo e com o objetivo de limpar perfumar e alterar a aparência protegendo e mantendo em bom estado.
Tais produtos aplicados na pele podem alterar seu ecossistema, modificar sua bioquímica e fisiologia em menor ou maior grau, causando danos a qualquer pessoadeterminada circunstância.
Essas interações entre produto e pele pode ser benéfica ou nociva, dependendo do tipo de manifestação e perigo de utilização.
Outra preocupação é com a segurança no uso da nanotecnologia em produtos cosméticos, por possuir partículas muitos pequenas e ter a capacidade de liberarem gradativamente as substância que carregam consegue penetrar em camadas mais profundas da...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Rea es Adversas de Ranitidina
  • Rea es adversas de cosmeticos
  • Rea Es Adversas A Produtos Capilares
  • Farmacovigil Ncia E Rea Es Adversas
  • Trabalho reações adversas em centro de estetica
  • Rea O Adversa A Medicamentos
  • REA ES
  • Rea Es O

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!