Sociedade

Páginas: 10 (2495 palavras) Publicado: 13 de agosto de 2013

KRISHNAMURTI, Ensinar e Aprender, Instituição Cultural Krishnamurti – RJ
Esta obra é fruto de palestras proferidas sobre Educação em escolas na Índia, em 1974.


RESENHA

A EDUCAÇÃO

Para Krishnamurti a educação “não consiste apenas em aprender o que está nos livros, em memorizar fatos, mas significa também aprender a olhar, a compreender o que os livros ensinam a perceber se o quedizem é falso ou verdadeiro” (1974,pg 9 § 2) em suma para ele educação é basicamente aprender a olhar e escutar características que perdemos quando ficamos mais velhos devido aos nossos desejos incontroláveis de adquirir coisas materiais tipo dinheiro, carros, jóias, etc, que nos torna ambiciosos, invejosos e ciumentos, fazendo assim perder a nossa sensibilidade de observar (olhar e escutar) o mundoe suas belezas.

Para ele o mundo é uma verdadeira “insensatez” onde só existem guerras, revoltas, atentados, crimes, roubos violência de uma maneira geral onde predomina a miséria e a fome do mais fraco ante a competitividade e a arrogância do mais forte que não tem sensibilidade, pois o que impera é o individualismo onde pouco importa o que acontece com o outro. E nós educamos os jovens parase enquadrarem nesta loucura que chamamos de sociedade. Será isto educação? Pergunta Krishnamurti.

Depois de retratar a falta de fé geral das religiões e constatar que a sociedade somos nós mesmos, Krishnamurti propõe uma educação transformadora da sociedade sem violência, sem revolta e sem fugas, para que os jovens possam compreender, preservar e contemplar as belezas da terra.

DizKrishnamurti ao referir-se a moradores de um vale na escola que proferia a palestra:
“E vivendo neste maravilhoso vale, irão ser lançados neste mundo de luta, confusão, guerra, ódio? Irão conformar-se, adaptar-se todos os velhos valores? Sabem que valores são estes: dinheiro, posição, prestígio, poder. Isto é tudo o que o homem deseja e a sociedade quer que vocês se ajustem a esse padrão de valores.Porém, se começarem agora a pensar, a observar, a aprender, não dos livros, mas de vocês mesmos, crescerão e se desenvolverão como seres humanos diferentes, como pessoas atenciosas, afetivas e que amam o próximo. Vivendo assim, talvez descubram uma maneira de vida verdadeiramente religiosa”(1974, pg., 10 § 3).

A seguir Krishnamurti nos mostra o que é prestar atenção, que é diferente concentraçãopois quando estamos concentrados vemos um detalhe da coisa, porém quando estamos atentos vemos os múltiplos detalhes que a coisa possui.

“A atenção difere da concentração. Quando nos concentramos não vemos tudo. Mas, estando atentos, vemos muitas coisas. Agora, prestem atenção; olhem para aquela árvore e vejam-lhe as sombras, a brisa a agitar brandamente as folhas. Reparem em sua forma, em seutamanho em relação às outras árvores. Notem a luz a coar-se através das folhas, a clarear os galhos e o tronco. Observem a árvore por inteiro. Olhem-na atentamente, porque vou falar-lhe sobre algo importante. A atenção é sempre significativa, tanto aqui, na classe, como fora dela, à hora da refeição ou durante um passeio. É uma coisa realmente prodigiosa ( ibidem, pg. 11 § 2).

Para Krishnamurti sefaz necessário que façamos a seguinte pergunta: “Por que estão sendo educados, instruídos? “Ele mesmo dá a resposta “educam-se os seres humanos para se acomodarem, se adaptarem à sociedade e à sua cultura, para se ajustarem à corrente da atividade social e econômica, para serem sugados pela gigantesca torrente que há milhares de anos segue o seu curso”, e desta maneira mais uma vez ele questionao verdadeiro sentido da educação e nos afirma não poder ser a educação como por ele é concebida, ser castradora, limitadora ou veladora das mentes humanas para acomodá-las a sistemas econômicos que nos conduzem a destruição e sim ser na verdade a educação a nossa única possibilidade de salvação desta destruição por meio de uma nova formação para o jovem que o transforme num novo ser humano....
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • SOCIEDADES
  • As sociedades
  • sociedade.
  • Sociedade
  • sociedade
  • sociedade
  • Sociedades
  • Sociedade

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!