Ser o nazismo de extrema direita

Páginas: 12 (2762 palavras) Publicado: 5 de junho de 2015
Será o nazismo de extrema-direita? Not so fast, Junior…

Marxistas, humanistas, progressistas, obamistas e neo ateus (o que dá tudo no
mesmo) adoram fantasiar o passado da Alemanha Nazista para chamá-los de “extrema
direita”. E o que faz um cético político? Obviamente, vai investigar a alegação.
Nada melhor que começar com uma análise do PROGRAMA DO PARTIDO NACIONAL
SOCIALISTA DOS TRABALHADORESALEMÃES, publicado em 24 de fevereiro de 1920,
no Hofbrauhaus-Festsaal em Munique. Esse é o paradigma que deu sustentação à
todas as ações de Hitler, incluindo o Holocausto Judeu. Não há nada melhor para
estudar o cerne da mente nazista do que estudar este documento.
Para cada um dos 25 termos do programa, iniciarei meus comentários com a
explicitação de com qual ideologia o nazismo se alinha,podendo ser “Neutro”, “Direita”
ou “Esquerda”. (É interessante notar que os pontos iniciais são neutros, mas do décimo
para a frente a coisa definitivamente se avermelha de vez)
Comecemos:
1. Nós exigimos a união de todos os alemães numa Grande Alemanha com base no
princípio da auto-determinação de todos os povos.
Neutro. Não é possível qualificar o ponto acima como algo relacionado nem a Esquerdacomo à Direita.
2. Nós exigimos que o povo alemão tenha direitos iguais àqueles de outras nações; e
que os Tratados de Paz de Versalhes e St. Germain sejam abolidas.
Neutro. É, como se nota, o esquerdismo ainda não se manifestou, mas muito menos
uma concepção de mundo que possa ser qualificada como “de direita”.
3. Nós exigimos terra e território (colônias) para a manutenção do nosso povo e oassentamento de nossa população excedente.
Neutro, tendendo à Esquerda. Por enquanto, temos apenas um país reconhecendo seu
aspecto belicista, e avisando que vai botar para quebrar, o que qualifica o ponto acima

como parcialmente neutro. Entretanto, a promessa de “garantir a manutenção do
povo”, através da ação do estado, é uma abordagem esquerdista.
4. Somente aqueles que são nossos compatriotas podemse tornar cidadãos. Somente
aqueles que tem sangue alemão, independente do credo, podem ser nossos
compatriotas. Por esta razão, nenhum judeu pode ser um compatriota.
Neutro. A filosofia do período, tanto esquerdista quanto de direita, não pregava a
exclusão dos judeus. Alguns poderiam dizer que Marx teria dito que os judeus
“pereceriam no holocausto”, mas ele queria dizer com isso que os judeusdeixariam de
ter uma identidade de povo (como todos os outros povos deveriam fazê-lo) para se
juntar à revolução. Marx não tinha nada contra os judeus, apenas contra o fato de
terem uma “identidade judaica”, quando para ele deveriam ter uma identidade de
classe (proletários X burgueses). Mesmo assim, a qualificação de um grupo (os judeus)
como bodes expiatórios de todos os males é uma extensão dafilosofia de guerra de
classes de Marx. Mas, por questão de caridade, deixarei este ponto como neutro.
5. Aqueles que não são cidadãos devem viver na Alemanha como estrangeiros e devem
ser sujeitos à lei de estrangeiros.
Neutro. Alguns difamadores da esquerda diriam que esta é uma proposta de direita,
principalmente pelo fato de alguns Republicanos nos Estados Unidos terem sido contra
a imigraçãoilegal. Entretanto, coibir a imigração ilegal não é o mesmo que definir os
estrangeiros como não-cidadãos.
6. O direito de escolher o governo e determinar as leis do Estado pertencerá somente
aos cidadãos. Nós portanto exigimos que nenhuma repartição pública, de qualquer
natureza, seja no governo central, na província, ou na municipalidade, seja ocupada
por qualquer um que não seja um cidadão. Nóscombatemos a administração
parlamentar corrupta pela qual homens são indicados para vagas por favor do partido,
não importando caráter e aptidão.
Neutro. É a extensão do ponto anterior.
7. Nós exigimos que o Estado especialmente se encarregará de garantir que todos os
cidadãos tenham a possibilidade de viver decentemente e recebam um sustento. Se
não puder ser possível alimentar toda a...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Extrema-Direita na Europa
  • A REPETIÇÃO DA HISTÓRIA: A ASCENSÃO DA EXTREMA DIREITA EM 1929 E EM 2008
  • FORMAS DE VIDA EXTREMA PODEM SER CAPAZES DE SOBREVIVER EM EXOPLANETAS EXCÊNTRICOS
  • Direita
  • Minha Direita
  • Nazismo
  • O nazismo
  • NAZISMO

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!