Prof

Páginas: 2 (287 palavras) Publicado: 9 de abril de 2014
A crise da consciência européia.
Aconteceu no século XVll uma revolução espiritual, que foi chamada de crise da consciência européia. Ao opor a ciência contemplativa umser ativo, um individuo não se contentava apenas em “saber por saber” como um espectador da harmonia do mundo, mas desejava “saber para transformar”.
NO século XVll aeducação religiosa da Companhia de Jesus continuava operante, e no século seguinte também, com mais de seiscentos colégios espalhados pelo mundo. Os jesuítas continuavam organizadose competentes, representavam o ensino tradicional mais conservador.
Os jesuítas tomavam por base a Escola Medieval e a ciência aristotélica, deixando de lado o ensino deciência e filosofia moderna, além de enfatizarem o ensino do latim e da retórica.
No século XVll a companhia de Jesus foi desfeita onde foram acolhidas novas ciências e afilosofia cartesiana onde ensinavam o francês e outras línguas modernas, incluindo o latim história e geografia com uso de mapas.
Os jansenitas eram inspirados pelo métodocartesiano, só ensinavam o que podia ser compreendido o desconhecido por meio do conhecido.
Na educação pública foi regulamentada a obrigatoriedade para crianças de 6 a 12anos.
Em 1642 leis foram estabelecidas para a educação primaria obrigatória. No século XVll as idéias associadas ao renascimento cientifico influenciaram os pedagogosinteressados pelo realismo na educação.
Na época ser realista significava privilegiar as coisas do mundo e dar atenção as coisas da época. Em 1684 foi fundado o instituto dosIrmãos das Escolas Cristãs, ampliando-se pelo mundo, aumentando a área de ação pedagógica para o ensino secundário e superior para a formação dos professores.
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Prof
  • Prof
  • Prof
  • Prof
  • Prof
  • Prof
  • PROF
  • Prof.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!