preconceito linguistico

Páginas: 12 (2813 palavras) Publicado: 12 de setembro de 2014
Mito nº 1
“A língua portuguesa falada no Brasil apresenta uma unidade surpreendente”

Este mito realmente traz prejuízo para a educação no Brasil, ele está tão enraizado em nossa cultura que até mesmo doutores e intelectuais se deixam enganar por ele ao não reconhecer à verdadeira diversidade do português falado no Brasil. A escola tenta ensinar da maneira correto a norma linguística como sefosse à língua comum de todos os Brasileiros, independente de suas regionalizações.
Sendo que no Brasil a língua falada pela maioria é o português brasileiro, este mesmo idioma apresenta um alto grau de diversidade e de variabilidade, não só por causa da extensão territorial do País, mas particularmente por causa da trágica injustiça social que fazia do Brasil, em 2006, o oitavo país com a piordivisão de renda mundial, ou seja, somos um país onde a riqueza, maior, está concentrada nas mãos de um grupo de pessoas.
Sendo que a educação de qualidade no Brasil é um privilégio de poucos, uma quantidade enorme de Brasileiros permanece à margem do controle das formas prestigiadas de uso da língua, pois, como existem milhões de brasileiros sem terra, sem teto, sem escola, sem renda e sem saúde,existem também milhões de brasileiros que podemos chamar de “sem língua”. Enfim, se formos confiar no mito da língua única.
É necessário que a escola e todas as demais instituições voltadas para a educação e a cultura do país larguem esse mito da singularidade do português brasileiro e comecem a reconhecer a verdadeira diversidade linguística de nosso país para aprimorarem suas politicas de açãoperante a população marginalizada dos falantes das variedades sem prestigio social.
Portanto queremos que todo brasileiro seja qual for sua origem social possa ler e entender os melhores escritores e tirar todo proveito das modernas tecnologias observadas e lidas nos programas de Televisão, pois felizmente, essa realidade linguística diversificada já é reconhecida pelas instituições oficiaisencarregadas de planeja a educação no Brasil. Vamos torcer para que elas venham das altas esferas governamentais para dentro das salas de aula de todo o país.
Seria melhor ainda se todas as línguas fossem aceitas e incluídas pela mídia que, lamentavelmente, representam hoje, no nosso país, os maiores propagadores e vinculadores da mitologia do preconceito linguístico.

Resenha:
Neste mitopercebemos que a diversidade do português falado no Brasil se desprende a importância de as escolas e todas as demais instituições voltadas para a educação e a cultura abandonarem esse mito da unidade do português no Brasil e passarem a reconhecer a verdadeira diversidade linguística de nosso país.

Mito nº 2
“Brasileiro não sabe português” / “Só em Portugal se fala bem português”

Neste mitomostra mais uma vês uma comparação de inferioridade do povo Brasileiro em relação a Portugal, pois, seria sensato dizer que se trata de uma análise preconceituosa e desinformada da língua falada e escrita no Brasil. Talvez por ter sido colonizado por Portugal pensem que o Brasil ainda é dependente de um país mais civilizado, que falam e escrevem corretamente o português.
É uma percepção desprezível deque no Brasil não se tem uma raça pura e sim, uma mistura negativa de raças, das quais duas delas, a negra e a indígena, são inferiores à do branco europeu, por isso este pensamento de que uma raça que não é pura não poderia falar uma língua pura.
O povo brasileiro sabe sim o português, acontece é que nosso português é diferente do português falado em Portugal. No momento que dizemos que noBrasil se fala português, usamos esse nome unicamente por comodidade e por uma razão histórica, de termos sido colonizados por Portugal.
O único momento que ainda se tem uma compreensão quase absoluta entre brasileiros e portugueses é o da língua escrita, pois a ortografia se torna praticamente a mesma com apenas algumas diferenças. Entretanto um mesmo texto lido em voz alta por ambos soará...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Preconceito linguistíco
  • Preconceito linguistico
  • Preconceito linguistico
  • preconceito linguistico
  • preconceito linguistico
  • Preconceito linguistico
  • Preconceitos linguisticos
  • Preconceito Linguístico

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!