Planejamento Urbano Regional

Páginas: 15 (3611 palavras) Publicado: 16 de junho de 2014
RESPOSTA 1:
A análise propõe um estudo detalhado sobre o Polo de confecções do
Agreste, que é responsável por boa parte da economia no setor têxtil do estado de
Pernambuco, e relaciona os impactos e comportamentos causados por este
crescimento para as cidades circunvizinhas que tem sua economia direta e/ou
indiretamente ligada as cidades-polo.
O mapa abaixo apresenta um panorama daconcentração de atividades
têxteis no estado de Pernambuco. Em um estudo mais detalhado, pode-se observar
que há três áreas principais de produção.
- Petrolina - Como segmento principal a produção e o comercio de couros
- Polo de Confecções do Agreste (Caruaru, Santa Cruz do Capibaribe e Toritama)
- Região Metropolitana do Recife (RMR) - Normalmente unidades fabris de maior
porte com modernastécnicas de produção.

Imagem 1

De acordo com pesquisas recentes realizadas por Marcilio Cunha

(Engenheiro e consultor de empresas - em 2012), sobre perspectivas e desafios
para a logística do estado de Pernambuco, o Nordeste precisa receber
investimentos de infraestrutura como implantação de ferrovias, melhoria nos portos,
hidrovias e rodovias para conseguir escoar sua produção compotencial competitivo
no mercado em 2020.
Estudos da CNI comprovam que a malha logística do Nordeste (composta
por 3.856 rotas de ligação), apresenta dificuldades para chegar ao seu local de
consumo. O que significa 6% do PIB da Região destinado aos custos com
transporte.

Imagem 2
Após a Região Metropolitana do Recife, o Agreste com o segmento de
vestuário e acessórios, apresenta 28% dasindustrias de Pernambuco, com cerca
de 1.500 empresas (sendo 90% delas micro ou pequenas).
Com relação ao Polo de Confecções, atualmente 10 municípios o compõem,
onde estão implantadas cerca de 18.803,00 empresas ligadas a confecção, 66%

delas com menos de cinco anos de existência, gerando ocupação para 132.705,0
pessoas (107.177,00 empregados e 25.528 patrões, numa média de dois porfamília), 95% destes empresários tem no máximo o ensino médio, e 75% deles
estão com até 40 anos de idade. Corresponde 15% da produção de confecção
brasileira, com 140,7 mil máquinas (corte, costura, bordado e estamparia) e produz
80% do faturamento do setor do estado em torno de 1 bilhão de peças anuais,
segundo dados do SEBRAE.

Contudo, 5% do PIB estadual dimensionam a

produtividade doAgreste de Pernambuco no setor, gerando um faturamento entre
as empresas e os empreendimentos complementares – facções, de R$ 1.100.00
bilhão ao ano.
Um estudo mais detalhado do SEBRAE, revela o quantitativo exato dessas
empresas distribuídas nas 10 cidades do Polo de confecções, considerado o
segundo maior do país:

Imagem 3
-

Santa Cruz do Capibaribe: 7.168 empresas – 38,1%

-Caruaru: 4.530 empresas – 24,1%

-

Toritama: 2.818 empresas – 15%

-

Brejo da Madre de Deus: 1.396 empresas – 7,4%

-

Taquaritinga do Norte: 1.185 empresas – 6,3%

-

Surubim: 454 empresas – 2,4%

-

Riacho das Almas: 415 empresas - 2,2%

-

Vertentes: 401 empresas - 2,1%

-

Agrestina: 299 empresas - 1,6%

-

Cupira: 135 empresas – 0,7%

A região demarcada no mapa(Figura 4), aponta o PIB dos municípios de
acordo com dados do IBGE.

Imagem 4

Do vermelho para o verde, podemos observar algumas áreas que
apresentam participações semelhantes com relação ao crescimento econômico,
formando assim, microrregiões onde pode-se apontar algumas características em
comum.

Imagem 5

O PIB do Polo de Confecções, cresceu de 2002 para 2012 cerca de 56,1%,que de acordo com Roberto Castelo Branco, superintendente do Sebrae, em
reportagem à Folha de Pernambuco - 2013, os destaques estão para Toritama, que
dobrou sua economia (101,2%), Riacho das Almas (67,6%), Caruaru (49,2%) e
Santa Cruz do Capibaribe (63,9%). Nas 10 cidades em que estão compostas o polo,
é empregada 19,8% da população, com destaque novamente para Toritama por
causa

das...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Planejamento urbano regional
  • Planejamento Urbano e Regional de Quissamã
  • Planejamento urbano regional
  • Planejamento Urbano E Regional
  • Planejamento Urbano e Regional
  • RELATÓRIO DE PLANEJAMENTO URBANO REGIONAL II
  • Planejamento urbano e regional, o que é solo urbano o que é solo rural
  • RESENHA – FUNDAMENTOS DO PLANEJAMENTO URBANO E REGIONAL

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!