Paulo freire

1387 palavras 6 páginas
BIOGRAFIA DE SKINNER Burrhus Frederic Skinner (Susquehanna, Pensilvânia, 20 de Março de 1904 — Cambridge, 18 de Agosto de 1990) foi um autor e psicólogo estadunidense.Conduziu trabalhos pioneiros em psicologia experimental e foi o propositor do Behaviorismo Radical, abordagem que busca entender o comportamento em função das inter-relações entre a filogenética, o ambiente (cultura) e a história de vida do indivíduo. A base do trabalho de Skinner refere-se a compreensão do comportamento humano através do comportamento operante (Skinner dizia que o seu interesse era em compreender o comportamento humano e não manipulá-lo).O trabalho de skinner é o complemento, e o coroamento de uma escola psicológica. Skinner adotava práticas experimentais derivadas de física e outras ciências. Outros importantes estudos do autor referem-se ao comportamento verbal humano e a aprendizagem.

Vida

Nascido em uma família presbiteriana, teve uma infância bem tradicional. Segundo Skinner "seu ambiente da [infância] era estável e não lhe faltou afeto". O sistema de psicologia de Skinner é sob muitos aspectos um reflexo das suas primeiras experiências de vida. Ele considerava a vida um produto de reforços passados e afirmava que sua própria vida fora tão predeterminada, organizada e ordeira quanto seu sistema ditava que todas as vidas humanas fossem. A conselho de um amigo de família, Skinner se matriculou no Hamilton College de Nova York. Ele escreveu: "Nunca me adaptei à vida de estudante. Ingressei numa fraternidade acadêmica sem saber do que se tratava. Não era bom nos esportes e sofria muito quando as minhas canelas eram atingidas no hóquei sobre o gelo ou quando melhores jogadores de basquete faziam tabela na minha cabeça… Num artigo que escrevi no final do meu ano de calouro, reclamei de que o colégio me obrigava a cumprir exigências desnecessárias (uma delas era a presença diária na capela) e que quase nenhum interesse

Relacionados

  • paulo freire
    2778 palavras | 12 páginas
  • paulo freire
    4276 palavras | 18 páginas
  • paulo freire
    4106 palavras | 17 páginas
  • Paulo Freire
    1469 palavras | 6 páginas
  • Paulo Freire
    5524 palavras | 23 páginas
  • paulo freire
    2869 palavras | 12 páginas
  • Paulo FREIRE
    1702 palavras | 7 páginas
  • Paulo Freire
    1523 palavras | 7 páginas
  • Paulo Freire
    2723 palavras | 11 páginas
  • Paulo freire
    1046 palavras | 5 páginas