Material De Baixa Visa O Capacitac A O 2013

Páginas: 3 (604 palavras) Publicado: 4 de junho de 2015
BAIXA VISÃO / VISÃO
SUBNORMAL

Prof. Valdecir Kuhl

CONTEXTUALIZAÇÃO HISTÓRICA SOBRE
DEFICIÊNCIA VISUAL


1º Período (Período místico):


•Todos são considerados cegos (visão mística vidente,
gurue etc.)


•Ser bom ou ruim

2º Período (Período biológico):


•Sociedade se preocupa com o SER (mito da
compensação)


•O individuo escuta melhor, tem o olfato mais desenvolvido,
tatoprivilegiado etc.
•Surgimento dos primeiros institutos

3º Período (científico ou sociopsicológico):


•Não existe a compensação, mas sim, compensação
social.


•Para Vygotsky, o cego é capaz de desempenhartodas as
tarefas dentro de suas limitações desde que não haja
barreira pela sociedade.

PÓS – SEGUNDA GUERRA



• Começam a surgir os primeiros centros de atendimento
educacionais e clínicos parapessoas com baixa visão,
efetivando-se a partir da década de 90.

ATENDIMENTO CLÍNICO/EDUCACIONAL
Atendimento clínico:
•Realizado por médicos, objetiva dar condições para que a
pessoa tenha visãonormal.


Atendimento clinico/educacional:
•Surgiu na década de 90 (atendimento interdisciplinar)
consulta, observação e treinamento.

DEFICIÊNCIA CONGÊNITA/ADIQUIRIDA




Com qual dos dois seria maisfácil trabalhar?

EXAME DE ACUIDADE VISUAL
• Para a realização de tal exame, utiliza-se a TABELA DE
SNELLEN

Definição:
• É o grau de aptidão do olho, para discriminar os detalhes
espaciais, ouseja, a capacidade de perceber a forma e o
contorno dos objetos. Simplificando mais, seria o nível de
"nitidez" com que o olho consegue enxergar.



(fonte: Aspiras.com.br)




Observação: a variaçãoda acuidade visual vai depender dos
fins a que se destinam (concursos, benefícios e educacional).


•20/200 o que uma pessoa de baixa visão vê a 20 pés, uma
pessoa normal veria a 200 pés. (teria osbenefícios de um
cego)


•20/100 a pessoa já não tem direito a benefício algum.

TABELA DE SNELLEN

ALTERAÇÃO NA VISÃO CENTRAL/PERIFÉRICA
• Visão central
Visão central:
•O indivíduo com problema...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Planta baixa de material de esterelização
  • ATPS ADM MATERIAIS 2013
  • Relatorio Administracao de Materiais 2013
  • Trabalho de ICPOM Materiais Ceramicos 2013
  • Materiais De Constru O 23 10 2013
  • visa
  • apostila Laborat rio de Materiais LEMAT 2013
  • Materiais da construção civil 1 NBR 15575/2013

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!