Gestação

Páginas: 11 (2730 palavras) Publicado: 1 de junho de 2012
Analisando este book e a história contada pelo paciente consigo identificar a provável época e causa que levaram o crescimento e desenvolvimento a tomarem um atalho e não o caminho certo pré-determinado.
Se levarmos em conta as minhas pesquisas informais, temos uma prevalência superior a 70% dos problemas se manifestando ainda na fase de dentição de leite.
Sem intervenção adequada, eles seperpetuam e ficam ainda piores na dentição permanente, época em que os pais costumam correr para o ortodontista.
Tudo isso poderia ser evitado ou pelo menos amenizado com um acompanhamento adequado. A má-oclusão constitui um dos problemas de saúde bucal mais prevalentes na atualidade. Vejo ainda que em 90% dos casos, os pais levam seus filhos ao odontopediatra por medo de seus filhos desenvolveremalguma cárie. A boa notícia é que a cárie deixou de ser o maior problema visto nos consultórios, o que é compreensível devido a presença de flúor na água de abastecimento, no sal e outros alimentos.
A má noticia é que muito provavelmente será tarde demais para prevenir a instalação da vilã moderna: a má oclusão. Para aqueles que ainda não a conhecem, aqui vai a sua apresentação: a má-oclusãoconstitui um dos problemas de saúde bucal mais prevalentes na atualidade.
Raramente é encontrada em achados pré-históricos. Estudos mostram que são fenômenos das civilizações modernas, predominantemente urbanas. Parte do problema ou cerca de 40% dele se dá por fatores herdados ou genéticos. Os outros 60% por fatores adquiridos ou ambientais. Se estas funções estão erradas, o sistema funciona errado ecresce de maneira desequilibrada. Segundo Vivian Farfel, 70% dos problemas se manifestam ainda na fase de dentição de leite
O problema todo se inicia com a amamentação. As mães modernas deixaram de amamentar os seus filhos por um período de tempo suficiente. De acordo com a Organização Mundial de Saúde e demais órgãos competentes, esta deveria ser exclusiva até os seis meses de idade e prolongadaaté os dois anos ou mais. As razões para a redução desse tempo variam conforme questões culturais, econômicas e até práticas, já que a mamadeira e a chupeta se tornaram substitutos nutricionais e emocionais.
Neste momento, as mães determinam como será o desenvolvimento da face da criança. O recém-nascido que é alimentado no peito até o primeiro ano de vida tem o seu queixo avançado para frente (oqueixo para trás é normal até esta idade para facilitar a passagem pelo canal do parto) e estabelece um padrão respiratório normal. Se for alimentado total ou parcialmente com mamadeira, fica com parte ou toda a posição do queixo por corrigir e, além disso, poderá ou não ser um respirador bucal.
Quando a criança respira pela boca pode ter o seu desenvolvimento comprometido. O ar inspirado pelaboca não sofre o processo de filtragem, aquecimento e umedecimento, deixando o sistema respiratório mais vulnerável a doenças respiratórias em geral. A respiração bucal ainda acarreta varias alterações físicas e posturais, comportamentais e emocionais. Quando a criança respira pela boca pode ter o seu desenvolvimento comprometido.
A amamentação também causa cansaço muscular pelo esforço feitodurante o ato de sugar. Se a criança não for amamentada no peito, não terá feito o trabalho muscular necessário e correto e é exatamente a falta dessa fadiga que ela supre chupando o dedo ou outros objetos. Os hábitos de sucção de chupetas, de mamadeira e dos dedos produzem efeitos indesejáveis permanentes, sendo que a correção tardia é muito difícil porque o desenvolvimento muscular como um todo jáfoi alterado.
Como se não bastasse, a criança que não realizou a ordenha do peito materno apresentará os músculos da mastigação pouco desenvolvidos e, assim, demonstrará resistência em aceitar alimentos duros em sua dieta. Contudo, a mastigação também é uma função, de forma que os impulsos e estímulos mastigatórios acabarão sendo supridos através de hábitos como onicofagia (roer unhas) e o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Gestaçao
  • Gestação
  • Gestação
  • gestação
  • gestação
  • Gestação
  • gestaçáo
  • Gestação

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!