enfermagem brasileira

Páginas: 17 (4035 palavras) Publicado: 23 de outubro de 2013
1 INTRODUÇÃO
Em um momento de transição do Governo Brasileiro de Monarquia para República, surgem diversas dificuldades. Mesmo em meio a essas dificuldades, a saúde brasileira não deixa de evoluir.
Há uma grande influência francesa na psiquiatria brasileira, auxiliando nos processos de organização e administração dos hospitais civis e hospícios da época, já que a França era um país evoluídonesse quesito.
Surge também a primeira escola de Enfermagem no Brasil, que veio com o propósito de resolver os problemas de profissionalização das mulheres, além de suprir a falta de enfermeiras após a dispensa das irmãs de caridade do cuidado com os loucos.
Enfim, em meio a tantos conflitos internos na sociedade brasileira, surgem uma importante evolução para a Enfermagem no nosso país.2 BREVE CONTEXTO HISTÓRICO NACIONAL
O Brasil no final do século XIX e no começo do século XX viveu um momento de várias indefinições com relação a diferentes projetos, classes e instituições sociais. A transição da Monarquia - Republica e as várias lutas e projetos.
No período de 1860 a 1880, o Brasil viu povo envolvido em divulgação das idéias republicanas eessas foram cruciais para a criação do Partido Republicano em 1870, eram conhecidos como idealistas. Aconteceram varias mudanças como a introdução do trabalho assalariado, o desenvolvimento das atividades indústrias. Essas mudanças impulsionaram em 1880 movimentos abolicionistas. Várias associações, jornais, clube e uma dessas sociedades foi a da Sociedade Libertadora da Escola de Medicina.
Omovimento ganhou mais força a partir de 1885, a política se agitava e a Igreja e o Estado envolvendo uma tensão, em 1873 agravou quando bispos de Belém e Recife Ordenaram expulsão de maços das irmandades. E esses bispos foram condenados a 4 anos de prisão. E ocorreu a separação de poderes, o Estado e a Igreja. E o descontento Militar já vinha também de longa data, e criticavam aos deputados e senadoresda época. E em 1881 a 1889 quem ocupavam os lugares na guerra eram pessoas estranhas e os militares e civis não prosseguiram a trilha aberta Ministério Rio Branco. Essa insatisfação começou no ano de 1883 onde o governo proibiu discussões públicas dos assuntos militares e quem desrespeitasse seria preso. Em 1887 houve a união da Marinha e do Exército, por Marechal Deodoro da Fonseca e ConstantBotelho de Magalhães. Insatisfeitos a Corte mandou Marechal Deodoro da Fonseca para exílio em 1888 e assim ficaria afastado das suas ideias de domínio. Após isso outros incidentes continuaram acontecendo prisões, punições e espancamentos.
Em 1888 a princesa Isabel assinou a lei Áurea liberando 750 mil escravos metade da população negra do país. Com a Abolição trouxe uma crise na economia, e jávinham apresentando aumentou essa crise que já estava ocorrendo como nas cafeiculturas. Só que os escravos foram introduzidos no mundo dos brancos sem garantia de um futuro nem indenização, muitos continuaram sendo escravos. Com a abolição aumentou o número de subempregos e mau remuneração. A grande maioria deslocou-se para centro onde existia o desemprego, o aumento da marginalidade, descriminaçãoracial e econômica pelos brancos.
O Rio de Janeiro sendo a capital econômica e a maior cidade do país sentiu mais do que qualquer outra cidade com a abolição da escravidão.
No ano de 1889 Marechal Deodoro já estava no Rio de Janeiro. Ele e Benjamim Constant encarregaram da parte Militar enquanto Quitino Bocaiva e os seus amigos cuidaram do resto. O movimento republicano foi representado por trêsforçar elas foram o Exercito, das camadas sociais médias, urbana e burguesia paulista. No dia 14 de novembro de 1889 o Governo Imperial foi avisado do movimento para derrubar, o governo mandou prender Marechal Deodoro de Benjamim Constant. Em dia 15 de novembro do mesmo ano, Manoel Deodoro da Fonseca, considerado o General do Exercito mais prestigiado.
O Rio de Janeiro se caracterizou na primeira...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Quem são as pioneiras da enfermagem brasileira
  • Legislacao Da Enfermagem Brasileira
  • Revista Brasileira De Enfermagem Patologias Dermicas
  • O compromisso social da enfermagem retratado na revista brasileira de enfermagem – como vê e como expressa
  • Vida e história de anna nery e sua contribuição para a enfermagem brasileira
  • Apresenta O Da INFLU NCIA FRANCESA NA ENFERMAGEM BRASILEIRA
  • A ENFERMAGEM NA SOCIEDADE BRASILEIRA: ASPECTOS INERENTES A SUA REPRESENTAÇÃO
  • Revisão sistematica do conhecimento da enfermagem brasileira no diagnóstico e tratamento de ulceras venosas

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!