Educação e Diversidade

Páginas: 8 (1756 palavras) Publicado: 26 de março de 2014
ANHANGUERA –Taboão da Serra
CURSO DE LETRAS


CINTIA SABRINA LEMOS
ITACY MARIA MAFRA
MARIA JOSE
PEDRO RAPOSO CHERSE ROBERTO
PRISCILA SILVA FERREIRA







EDUCAÇÃO E DIVERSIDADE
























Taboão da Serra
2014







CINTIA SABRINA LEMOS - RA
ITACY MARIA MAFRA – RA
MARIA JOSE RA
PEDRO R. CHERSE ROBERTO RA.
PRISCILA SILVAFERREIRA RA









EDUCAÇÃO E DIVERSIDADE







Trabalho de Aproveitamento parcial do curso de LETRAS, ministrado pela professora Maria Cristina Blanco (Tina)
ANHANGUERA –Taboão da Serra









Taboão da Serra
2014

História e Vida
José Gimeno Sacristán nasceu em Vilueña, pequena vila agrícola de Zaragoza, na Espanha, em 1974 iniciou sua carreira comoprofessor universitário e em 1975 adquiriu o título de doutor em pedagogia, ele é catedrático de universidade da área de Didática e Organização Escolar. Atua como professor da Faculdade de Filosofia e Ciências da Educação na Universidade Complutense de Madrid e da Universidade de Salamanca, assim como professor colaborador em outras universidades nacionais e estrangeiras. É autor de obras, como: Aeducação que ainda é possível; Poderes instáveis em Educação; Compreender e transformar o Ensino; O currículo: uma reflexão sobre a prática; Educar e conviver na Cultura Global.
É especialista em currículo, gestão de equipes, ensino e inovação educacional e Professor de filosofia oriental. Sacristán é Pedagogo e sempre pesquisou sobre a escola e seus problemas educativos, mais especificamente ocurrículo, criticando, a listagem de conteúdos obrigatórios. Afirma que, o currículo deve fornecer meios para que o aluno se posicione em relação à sua cultura e a sociedade, e que o professor precisa ter consciência das teorias, valores e crenças que embasam a organização curricular da escola, ou seja, do currículo oculto nas práticas cotidianas.
Sacristán afirma que: Para alguns, a Educação porcompetências serve para formar indivíduos extremamente eficientes e capazes de fazer funcionar as engrenagens do sistema produtivo. Para outros, o conceito não passa de um modismo que encara o ensino como mero adestramento social. Outros ainda consideram uma oportunidade para a reestruturação dos sistemas educacionais, superando uma escola baseada em conteúdos antigos poucos funcionais.
Na concepção daspesquisar de Sacristán, a idéia de aluno, com todas as contradições que encontramos nos significados do termo, permite entender que “ser escolarizado é a forma natural de conceber àqueles que têm a condição infantil”. Nesse sentido, a categoria aluno é uma forma social por antonomásia de ser menor ou de viver a infância e a adolescência, isso significa que a escolaridade cria uma cultura de comovemos e nos comportamos com os menores. Portando, a carga semântica da palavra “aluno” enxuga todo o entendimento que temos de menor escolarizado. Quando se refere à preocupação pela qualidade de ensino-aprendizagem, ele inunda com argumentos os discursos a cerca do presente e futuro dos sistemas educativos, mostrando que a qualidade da educação exige contemplar e dirigir-se ao aluno, que aomelhorar enquanto pessoa, estudante e cidadão acabam por aperfeiçoar a própria sociedade.
Sacristán afirma que construímos os sujeitos que participam nos diversos cenários em que nossas vidas transcorrem, através da educação. A partir dessa idéia, ele diz que o aluno é uma construção social inventada pelos adultos ao longo da experiência histórica porque são os adultos (pais, professores, tutores,legisladores ou autores de teorias sobre a psicologia do desenvolvimento) quem têm o poder de organizar a vida dos não adultos. Esses são controlados por aqueles que usam o poder para impor normas de conduta, leis e autoridade sobre o outro. Segundo Gimeno, é natural ser aluno, e vê-lo em nossa experiência cotidiana, considerando como certo o papel de essas pessoas freqüentarem instituições...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Diversidade na educação
  • Educação e diversidade
  • Educação e Diversidade
  • Educaçao e diversidade
  • Educação e diversidade
  • Educação e diversidade
  • Educação de diversidade
  • Educação e diversidades

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!