Dez anos pós-lasik para alta anisometropia em pacientes com 8 a 15 anos de idade

Páginas: 22 (5286 palavras) Publicado: 16 de julho de 2011
DEZ anos pós-LASIK para alta anisometropia em pacientes com 8 a 15 anos de idade

Ten-year follow-up of LasIK for high anisometropia in patients 8 to 15 years old

Belquiz Amaral Nassaralla1 e João J. Nassaralla Jr2

1Médica Oftalmologista do departamento de Córnea e Cirurgia Refrativa do Instituto de Olhos de
Goiânia (IOG); Doutora em Oftalmologia pela Universidade Federal de MinasGerais.
2Médico Oftalmologista do departamento de Retina e Vítreo do IOG; Doutor em Oftalmologia pela Universidade Federal de Minas Gerais; Doutor em Medicina pela Universidade de Brasília.

Trabalho realizado no Departamento de Córnea e Cirurgia Refrativa do IOG.

Correspondência: Belquiz A. Nassaralla. Rua L n( 53, 12( andar, Setor Oeste, Goiânia, GO, ZC: 74.120-050. Tel: (62) 3220-2517; Fax:(62) 3220-2560; E-mail: bnassaralla@bol.com.br

Apresentado em parte como poster científico no Congresso da ARVO (Association for Research in Vision and Ophthalmology) 2009, Fort Lauderdale, Florida, USA.

Os autores não têm interesse financeiro em qualquer dos materiais e/ou métodos citados.

Abstrato

Objetivos: Determinar a segurança, eficácia, previsibilidade eestabilidade da técnica “Laser in Situ Keratomileusis” (LASIK), dez anos após a cirurgia para a correção de alta anisometropia em pacientes com 8 a 15 anos de idade, para os quais os tratamentos convencionais não obtiveram êxito.
Métodos: Nove olhos de nove pacientes, três do sexo masculino e seis do sexo feminino, com idade média de 11,5 anos (variando entre 8 e 15 anos), foram submetidos àtécnica LASIK utilizando-se o excimer laser Chiron Technolas 217-C.
Resultados: Dez anos após o LASIK, a acuidade visual com correção (AVCC) melhorou pelo menos 1 linha em cinco olhos (55,5%). Nenhum olho apresentou perda de linhas na AVCC. A média do equivalente esférico pré-operatório foi reduzida de -7,66 D para -2,33 D, a do astigmatismo, de -3,11 D para -0,75 D, e da anisometropia de 7,36 D para1,47 D. Quatro olhos (44,4%) estavam entre +/- 1,00 D da emetropia. Todos os pacientes apresentavam visão binocular.
Conclusões: Neste estudo com pacientes selecionados entre 8 e 15 anos de idade, a técnica LASIK mostrou-se uma opção segura e eficaz na correção de alta anisometropia e para melhorar a função binocular em pacientes para os quais os tratamentos convencionais não obtiveram êxito.Abstract

PURPOSE: To determine the safety, efficacy, predictability, and stability of laser in situ keratomileusis (LASIK) to correct high anisometropia in patients 8 to 15 years old in whom conventional treatments have failed.

METHODS: Nine eyes of nine patients (3 male and 6 female) with high anisometropia (>3.50 D), were included in this study. Minimumfollow-up was 10 years. All patients were treated with the Chiron Technolas 217 excimer laser.

RESULTS: Ten years after LASIK, best corrected visual acuity (BCVA) improved by at least one Snellen line in 5 eyes (55.5%). No eye lost any line of BCVA. Mean preoperative spherical equivalent refraction decreased from -7.66 to -2.33 D, mean astigmatism decreased from -3.11 to -0.75 D, and meananisometropia decreased from 7.36 to 1.47 D. Four eyes (44.4%) were within +/-1.00 D of emmetropia. All patients were able to function binocularity.

CONCLUSION: In this study of selected patients 8 to 15 years old, LASIK was a safe and effective option for the correction of high anisometropia and for improve binocularity, when conventional therapies had failed.

Introdução

Nos últimos anos,procedimentos cirúrgicos tais como a fotoceratectomia refrativa (PRK) e “laser in situ keratomileusis” (LASIK) têm sido usados com sucesso para tratar erros refracionais em adultos, tornando-os independentes de óculos e/ou lentes de contato.1-8 Normalmente, a cirurgia refrativa é realizada em pacientes com mais de 18 anos de idade, após a estabilização da refração.1-3 Com o aprimoramento das técnicas,...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • ALTERAÇÕES OCULOMOTORAS EM PACIENTES COM TDAH NÃO ESTRÁBICOS DE 8 A 15 ANOS.
  • Os 15 anos
  • Texto po tico 8 ano interpreta o
  • 15 anos
  • 8° ano
  • 8 Ano
  • 8 ano
  • 8 ano

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!