David

Páginas: 24 (5950 palavras) Publicado: 10 de dezembro de 2014
Eram quase 23 horas quando chegamos à última etapa da nossa
aventura daquela noite. Tínhamos deixado para trás o nevoeiro da cidade
grande e aqui a noite estava límpida. Um vento morno soprava do oeste e
nuvens pesadas moviam-se lentamente pelo céu, com uma meia-lua
aparecendo entre elas de vez em quando. A claridade era suficiente para se
ver a distância, mas Tadeu tirou uma das lanternasda carruagem para que
enxergássemos melhor o caminho.
Pondicherry Lodge ficava no meio de um terreno cercado por um muro de
pedra muito alto com cacos de vidro na parte superior. Uma estreita porta de
ferro era a única entrada. Foi nela que o nosso guia bateu, com pancadas
semelhantes às de um carteiro.
– Quem está aí? – gritou de dentro uma voz áspera.
– Sou eu, McMurdo. Você já deviaconhecer a minha maneira de bater!
Ouviu-se um resmungo e um barulho de chaves. A porta abriu-se
pesadamente e um homem baixo, de peito robusto, apareceu iluminando-nos
com uma lanterna que também iluminava seu rosto protuberante e os olhos
que piscavam desconfiados.
– É o sr. Tadeu? Mas quem são os outros? Não tenho ordem do patrão
para recebê-los.
– Como não, McMurdo? Isso muito me admira. Eudisse ontem a meu
irmão que iria trazer hoje alguns amigos.
– Ele não saiu do quarto hoje o dia inteiro, sr. Tadeu, e eu não tenho
ordens para recebê-los. O senhor sabe muito bem que tenho de cumprir as
ordens. Posso deixá-lo entrar, mas os seus amigos têm de ficar onde estão.
Era um obstáculo inesperado. Tadeu olhava para todos os lados,
desnorteado.
– Isto não está certo, McMurdo. Deveser suficiente para você que eu me
responsabilize por eles. Há uma moça conosco. Não posso deixá-la
esperando na estrada a esta hora.
– Sinto muito, sr. Tadeu – disse o porteiro com firmeza. – Podem ser seus
amigos e não ser amigos do patrão. Ele me paga bem para cumprir a minha
obrigação e hei de cumpri-la. Não conheço nenhum dos seus amigos.
– Oh, sim, você conhece, McMurdo – gritou SherlockHolmes. – Não creio
que você possa ter-se esquecido de mim. Não se lembra do amador que
lutou três rounds com você no Alison na noite em seu benefício, há quatro
anos?
– Oh! sr. Sherlock Holmes – gritou o lutador.
– Como pude deixar de reconhecê-lo! Se em vez de ficar aí quieto tivesse
me dado um daqueles seus socos no queixo, eu teria logo sabido com quem
lidava. Ah, o senhor é um dos quenão aproveitam os seus dotes! Podia ir
longe se continuasse a lutar.
– Você está vendo, Watson? Se todo o resto falhar, ainda tenho esta
profissão científica – disse Holmes, rindo. – Tenho certeza de que o nosso
amigo agora não vai nos deixar aqui fora no frio.
– Entre, senhor, entrem todos – ele respondeu.
– Sinto muito, sr. Tadeu, mas as ordens são rigorosas. Precisava poder
confiar nosseus amigos antes de deixá-los entrar.
Dentro, um caminho de cascalho aberto num terreno abandonado levava a
uma habitação enorme, quadrada e prosaica, mergulhada na escuridão, com
exceção de um lado, onde batia o luar. O tamanho do prédio sombrio, com o
seu silêncio sepulcral, causou um frio no coração. Nem o próprio Tadeu se
sentia à vontade e a lanterna balançava na sua mão trêmula.
– Nãoposso compreender isto – dizia ele. – Deve haver algum engano.
Eu disse a Bartolomeu que viria hoje com toda a certeza. E não há luz no
quarto dele. Não sei o que fazer.
– Ele costuma proteger a casa assim? – perguntou Holmes.
– Ele segue os hábitos de meu pai. Ele era o filho predileto, e às vezes eu
penso que meu pai deve ter contado a ele muito mais coisas do que para
mim. Aquela janelaonde a lua está batendo é a do quarto de Bartolomeu.
Está muito claro, mas acho que a luz não vem de dentro.
– Não, nenhuma! – disse Holmes. – Mas vejo o brilho de uma luz naquela
janelinha ao lado da porta.
– Aquele é o quarto da governanta. É onde fica a velha sra. Bernstone. Ela
pode nos dizer alguma coisa. Será que se importam de esperar aqui um
momento? Porque se entrarmos todos...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • David
  • David
  • david
  • david
  • david
  • David
  • David
  • david

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!