Corpo Humano

1043 palavras 5 páginas
A Reação Católica Após os grandes movimentos sociais, a “ questão social “ considerando a igreja não só como instituição social de caráter religioso, mas também o seu engajamento dinâmica dos antagonismos de classes da sociedade na qual está inserida. Após a conta Reforma, o Estados nacionais europeus são forçados a conceder aos movimentos políticos e ideológicos burgueses uma parcela do anterior monopólio mantido pela igreja. Portanto, a religião católica perde sua ampla hegemonia enquanto concepção de mundo das classes dominantes. Para a desagregação da sociedade civil tradicional e para o declínio de sua influência, a igreja católica reage. Essa reação tem por base, através de métodos organizativos e disciplinares, a constituição de poderosos organizações de massa.

Primeira fase da Reação Católica No Brasil, a partir da segunda metade da República Velha, a igreja inicia o processo de reformulação de sua atividade política religiosa, a fim de recuperar os privilégios e as prerrogativas perdidos com o fim do Império. Esse movimento condensa-se nos primeiros anos da década de 20. O então Bispo, Dom Sebastião Leme, lança documentos contendo as bases do que seria o programa de reivindicações católicas, com a finalidade de restabelecer as bases da nação católica. Altera, substancialmente, a estrutura e imagem da igreja, dois processo: 1. A mudança interna de sua estrutura, com a sua centralização. 2. A “ romanização “ do catolicismo brasileiro, ou seja, a preferência em Roma, que atinge tanto o clero como o movimento leigo. Sendo assim, a mobilização do laico que se fará as organizações que se formaram na Europa, especificamente na Itália e França. NA década de 20, a revista “A ordem” e o centro Dom Vital serão principal aparatos de mobilização do laico, que procuram recrutar uma “aristocracia intelectual” capaz de combater política e ideologicamente manifestações que igreja considere perigosas para seu domínio. A “ questão social” não atrai atenção das

Relacionados

  • Corpo Humano
    1037 palavras | 5 páginas
  • corpo humano
    1150 palavras | 5 páginas
  • corpo humano
    1124 palavras | 5 páginas
  • corpo humano
    443 palavras | 2 páginas
  • corpo humano
    443 palavras | 2 páginas
  • Corpo Humano
    924 palavras | 4 páginas
  • Corpo Humano
    1443 palavras | 6 páginas
  • Corpo Humano
    387 palavras | 2 páginas
  • Corpo humano
    388 palavras | 2 páginas
  • corpo humano
    443 palavras | 2 páginas