CONVÍVIO SOCIAL E AMIZADE DE CRIANÇAS QUE APRESENTAM TDAH: REVISÃO DE LITERATURA

Páginas: 11 (2548 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
FACULDADE A VEZ DO MESTRE
PÓS GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO ESPECIAL INCLUSIVA




ANDREIA TIBÉRIO





CONVÍVIO SOCIAL E AMIZADE DE CRIANÇAS QUE APRESENTAM TDAH:
REVISÃO DE LITERATURA





SÃO PAULO
2012
ANDREIA TIBÉRIO









CONVÍVIO SOCIAL E AMIZADE DE CRIANÇAS QUE APRESENTAM TDAH:
Revisão de literatura








SÃO PAULO
2012
LISTA DE SIGLAS

DSM-IV- Diagnostic and Statistical Manual – IV
TDAH – Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade.




















SUMÁRIO

TEMA......................................................................................................
05
PROBLEMÁTICA.....................................................................................
05OBJETIVOS.............................................................................................
06
Geral........................................................................................................
06
Específicos...............................................................................................
06JUSTIFICATIVA.......................................................................................
07
REFERENCIAL TEÓRICO.......................................................................
08
METODOLOGIA..........................................................................................
13
REFERENCIAS BIBLIOGRAFICAS..........................................................
14

















TEMA: Convívio social e amizade de crianças que apresentamTDAH:

PROBLEMÁTICA
O problema que norteia este estudo relaciona-se com os problemas de relacionamentos e convívio social de crianças que apresentam TDAH e que são bem frequentes. Para pessoas olhando do lado de fora uma pessoa com TDAH pode parecer como sendo incapaz de manter uma amizade duradoura ou um relacionamento amoroso estável.
A principal questão a ser discutida nessa pesquisa écompreender a criança com TDAH em suas relações sociais, pois, esta pessoa frequentemente acaba se tornando solitária pois quase sempre briga com os amigos que consegue pouco tempo depois de iniciada a amizade Estes problemas ocorrem porque na maioria dos casos o TDAH não é diagnosticado a tempo; as pessoas que se relacionam com a criança com TDAH começam a achar que ela não presta atenção neles(as), que os problemas como desorganização esquecimento, etc., são propositais, começando assim uma série de cobranças.
É por este motivo que destacamos o importante papel que o suporte social feito pelas pessoas e instituições em contato com a criança fazem no sentido de fazer com que ela se sinta como parte do meio social onde ela está inserido ao invés de isolado como uma espécie de "patinhofeio".
Destacamos a necessidade de que todos que estejam em volta da criança se informem e compreendam o máximo que puderem sobre a condição, os problemas e as dificuldades do TDAH, pois muitas vezes, a maioria das dificuldades encontradas não é somente causada pela doença, mas também causada pela falta de informação, falta de compreensão e preconceito em relação ao TDAH.
Se estas criançasaprendem estratégias apropriadas de aprendizagem e habilidades sociais, podem sair-se bem na escola e no trabalho



OBJETIVOS

GERAL
Identificar a produção científica brasileira específica sobre amizade na infância.

ESPECIFICOS
1 – Revisar as perspectivas conceituais e os estudos empíricos recorrentes na pesquisa em amizade infantil.
2 -Discutir a amizade infantil diante do Transtorno deDéficit de Atenção/Hiperatividade (TDAH), revisando as pesquisas nacionais disponíveis.



















JUSTIFICATIVA

A escolha do tema da amizade na infância justifica-se pela necessidade de maior produção de conhecimento científico sobre o assunto tendo em vista a correta identificação de crianças com problemas de saúde mental associados à queixa escolar, intervenções...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • TDAH Revisão de Literatura
  • Convívio social de crianças com síndrome de down
  • A ocorrência de dengue em crianças: revisão de literatura
  • Como os educadores podem lidar com crianças que apresentam transtorno do déficit da atenção e hiparatividade....
  • DESENVOLVIMENTO NEUROPSICOMOTOR DE CRIANÇAS PREMATURAS EXTREMAS: UMA REVISÃO DE LITERATURA
  • OCORRÊNCIA DE ACIDENTES ENVOLVENDO CRIANÇAS: uma revisão da literatura
  • A Influência das Brincadeiras na Recuperação de Crianças Hospitalizadas uma revisão de literatura
  • Inclusão social da pessoa com sindrome de down: uma revisão de literatura

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!