CONCEITOS_SISTEMAS_DE_INFORMACA0

Páginas: 11 (2537 palavras) Publicado: 9 de abril de 2014
SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Reflexões sobre o texto nº 2

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO GAYA
Escola Superior de Ciência e Tecnologia

ENGENHARIA INFORMÁTICA – 3 º ANO

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO (SDI)
ANO LETIVO 2013/2014

FICHAS DE TRABALHO
CONCEITOS SOBRE SISTEMAS DE INFORMAÇÃO
-REFLEXÕES SOBRE O TEXTO Nº 2-

__________________________________________________________________________PEDRO JOSÉ PEREIRA DA SILVEIRA PORTOCARRERO - Nº 3219
DANIEL BARROS FARIA – Nº 2985

DOCENTES:
MÁRIO DIAS LOUSÃ & JOSÉ AUGUSTO MONTEIRO

24 / 03 / 2014

Página 1

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Reflexões sobre o texto nº 2
Questões / Análise

1. Distinguir dados, informação e conhecimento?
O significado, e respetiva distinção, entre os termos dados, informação e conhecimento
assumeparticular relevância pois podem ser, de certa forma, confundidos. Estes conceitos,
intimamente relacionados entre si, têm como expressão final um processo de transformação
que resulta na existência de conhecimento.
Os dados podem ser definidos como sendo valores/elementos discretos (representações
utilizando símbolos de determinadas entidades/eventos, valores numéricos), que, analisadosseparadamente, não exibem nenhuma utilidade ou valência útil.
Reforçando o mencionado no parágrafo anterior, e segundo Ponchirolli, O. & Fialho, F.
(2005), os dados são registos de um determinado evento para o sistema. Os dados, mesmo
quando são obtidos em grande quantidade, são facilmente armazenados e catalogados com a
tecnologia existente (e sempre em progressivo desenvolvimento!). Entretanto, osdados
carecem de valor por serem um evento fora de contexto e sem significado para o sistema.
Para que os dados se tornem úteis como informação é necessário que se consiga
correlacioná-los e, consequentemente, atuar sobre os mesmos.
De acordo com Bellinger (1996), os dados são apenas pontos inúteis, sem sentido no espaço
e no tempo, sem referência a outro espaço ou tempo, enfim, um evento, umacarta, ou uma
palavra, todos fora do contexto.
Quando se realiza uma análise aos dados (mesmo os apresentados de forma mais simplista)
e se lhes atribui algum significado, os mesmos convertem-se em informação.
A compreensão, e conceptualização, do termo informação pressupõe a relação de dois
conceitos: as representações simbólicas e os padrões/códigos de representação. As
representaçõessimbólicas podem ser entendidas como um agregado de símbolos que
permitem definir a morfologia do que se pretenda que seja comunicado. Os padrões/códigos
de interpretação incorporam um conjunto de regras e normas adotados para a interpretação
das representações simbólicas anteriormente referenciadas. Será, a partir destes códigos,
que o recetor terá a capacidade de interpretar o significado damensagem transmitida.

Página 2

SISTEMAS DE INFORMAÇÃO – Reflexões sobre o texto nº 2
Neste contexto, só existirá informação a partir do momento em que o recetor reconheça, e
entenda, os símbolos e seja capaz de lhes aplicar os seus padrões de interpretação.
A informação, de acordo com Ponchirolli, O. & Fialho, F. (2005), pode ser definida como
sendo:
(…) um conjunto de dados, os quaisdevidamente processados são providos
de um determinado significado e contexto para o sistema. Entretanto, apesar
da relevância e propósito, carecerá de valor se faltar a riqueza da
interpretação (…).
Ainda se pode referir, e complementando o descrito anteriormente, conforme Drucker
(1992), a informação são dados que possuem relevância e propósito, aos quais, depois de
recolhidos, organizados eordenados, são atribuídos significados e contexto aos mesmos.
Ainda, e no entendimento deste autor, para que os dados sejam convertidos em informações,
é preciso perguntar do que se necessita, de quem, quando e de que forma, além da certeza de
que aqueles que podem prover as informações conhecem e compreendem as suas
responsabilidades.
No seguimento e caracterização de informação, o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!