CChurrasco

Páginas: 6 (1390 palavras) Publicado: 1 de junho de 2014
GUIA DE ELABORAÇÃO DA ESPECIFICAÇÃO
DE CASO DE USO BATCH DA SECRETARIA DE FAZENDA/DF
Versão 1.0



Histórico de Revisão
Data
Versão
Descrição
Autor
Revisor
05/09/2013
1.0
Elaboração do guia com orientações e exemplos
Kelly











Data
Versão
Descrição
Autor
Revisor
15/06/2012
1.6
Atendimento ao OASIS 9999/2013
Alteração da RN11, RN35
Inclusão das RNs: 49a 60;
Alteração dos fluxos FA2 e FA4
Correção ortográfica;

xxxx
xxxx
Especificação de Caso de Uso

Índice




Especificação de Caso de Uso




1. Descrição


Exemplo:
Este caso de uso permite ao ator realizar a inclusão, alteração, exclusão e consulta de subitens de despesas e grupos de elementos de despesas.

2. Atores


Exemplos:

Não se aplica.


3.Pré-Condições
1.1


Exemplo:

3.1 Recebimento de arquivo
Deverá ser verificado se o arquivo esperado do Banco do Brasil foi recepcionado.
4. Fluxo de Eventos

Este caso de uso se inicia


Exemplos:

1. Este caso de uso se inicia quando o o sistema BFI é alimentado com um novo benefício concedido.
2. Este caso de uso inicia-se quando o robô dentro do seu ciclo temporizadoridentifca que o horário previsto para ínicio do ciclo foi alcançado

1.2 Fluxo Básico –

(FB1) . [RN999] [FA1] [FA2] [FA3]
(FB2) . [RNG999] [FE1] [M99]
(FB3) Finaliza caso de uso.

< No Fluxo Básico deverá estar descrito todo o processamento que a funcionalidade deverá executar. Deverá ser mencionado no seu conteúdo onde o sistema recupera as informações e quais são elas, o que sistemagrava, lista, envia, etc. Sempre deve ser mencionado o destino e a origem das informações.>


Exemplo:
Fluxo Básico – Envio do acompanhamento dos arquivos
FB.1 O sistema recupera as seguintes informações no arquivo de configuração do robô:
Pasta onde devem ser gravados os arquivos de LOG;
Horário do próximo ciclo;
Lista de destinatários de e-mail do LOG de processamento;
FB.2 O sistemaverifica a existência de arquivos gerados e/ou recebidos desde o último processamento;
FB.3 O sistema recupera as seguintes informações do Cadastro de LOG da integração;
Nome do arquivo;
Indicador do tipo da ação – E Enviado ou R Recebido;
Data do envio/recebimento do arquivo;
Indicador da situação do processamento do arquivo – P Processado com sucesso ou X Processado com erro.
FB.4 Osistema envia e-mail para a lista de destinatários com as seguintes informações:
Data do processamento;
Quantidade de arquivos recebidos com sucesso;
[Relação de arquivos recebidos com sucesso contendo a seguinte informação]
Nome do arquivo recebido com sucesso;
Quantidade de arquivos recebidos com erro;
[Relação de arquivos recebidos com erro contendo a seguinte informação]
Nome do arquivorecebido com erro;
Quantidade de arquivos enviados com sucesso;
[Relação de arquivos enviados com sucesso contendo a seguinte informação]
Nome do arquivo enviado com sucesso;
Quantidade de arquivos enviados com erro;
[Relação de arquivos enviados com erro contendo a seguinte informação]
Nome do arquivo enviado com erro;
FB.5 O caso de uso é encerrado;

1.3 Fluxos Alternativos

FA1.No(s) passo(s) do , caso , devem ser executados os seguintes passos:

FA.1.1. .
FA.1.2. .
FA.1.3. .
FA.1.4. Finaliza caso de uso ou Retorna ao passo FB?? do Fluxo Básico ou do Fluxo Alternativo FA?? ou Fluxo de Exceção FE??.





1.4 Fluxos de Exceção

FE1.

FE.1.1. .
FE.1.2. .
FE.1.3. .
FE.1.4. Finaliza caso de uso ou Retorna ao passo FB?? do Fluxo Básico ou do FluxoAlternativo FA?? ou Fluxo de Exceção FE??.

< O nome do fluxo deve ser objetivo e representar claramente a exceção;
- As exceções devem tratar todos os problemas possíveis e situações que interrompam a execução do caso de uso;
- As exceções não necessariamente encerram o caso de uso, mas elas devem impedir a continuidade do fluxo.
- Cada exceção ou erro exclusivo podem ser capturados como um Fluxo...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!