Aluno

Páginas: 13 (3095 palavras) Publicado: 17 de setembro de 2014
Pré-sal aumenta importância da indústria do petróleo na economia
09.Mai.2014

De acordo com a nova Pesquisa Industrial Mensal (PIM) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), na última década, a indústria extrativista dobrou a participação na composição do Produto Interno Bruto (PIB). O peso do setor dentro do cenário industrial nacional saltou de 5% em 2000 para 11,2% em2010. Entre as explicações para o salto está a descoberta do pré-sal, em 2006, que aumentou a importância da produção de petróleo na economia brasileira.
Na análise só da nossa participação, somando a produção de petróleo e gás natural como o setor de refino, o nosso peso na indústria brasileira passou de 9,7% para 13,4%. Os 3,5 pontos percentuais a mais significam uma alta superior a do setorautomotivo no período.
O refino de petróleo, por exemplo, subgrupo da indústria de transformação, passou de 8% para 10,3%. Outro exemplo do efeito Petrobras é o setor naval. Hoje, segundo a pesquisa, é 10 vezes maior do que no ano 2000. A indústria pontuava com 0,02% e aparece agora com 0,25%.
Somos responsáveis por esta recuperação do setor. Com a perspectiva de dobrar a produção para 4,2 milhões debarris de petróleo por dia até 2020, encomendamos ao setor naval, para entrega entre 2012 e 2020, 28 sondas de perfuração, 49 navios, 38 plataformas de produção e 146 barcos de apoio.
Dos barcos de apoio, sessenta e uma embarcações estão em construção e 26 já foram entregues.O conteúdo nacional dessas obras varia de 55% a 75%. A primeira sonda brasileira, com conteúdo local de 55%, será entregueem 2015. Das plataformas de produção, 9 já foram entregues e 29 estão por vir com conteúdo local entre 65 e 75%. Os números são relevantes para uma indústria que retomou sua capacidade de realização a partir de 2003.
Hoje, a indústria naval conta com 75 mil trabalhadores e deve chegar a 100 mil ainda em 2017, segundo estimativa do Sinaval (Sindicato Nacional da Indústria de Construção eReparação Naval e Offshore).
Sobre a pesquisa - Desde a década de 70, a Pesquisa Industrial Mensal de Produção Física do IBGE produz indicadores da indústria extrativista e de transformação. A última versão da PIM-PF, reformulada, foi apresentada dia 7 maio pelo IBGE. As mudanças metodológicas não alteram a série histórica.

Mercado de trabalho.
Precisa-se de trabalhador qualificado

Retomada docrescimento, modernização da economia, pré-sal e os eventos da Copa do Mundo e Olimpíadas vão aumentar a oferta de vagas no mercado de trabalho, principalmente para profissionais qualificados. Governo e empresas se mobilizam para formar de mão de obra

Cientistas, professores, tecnólogos, engenheiros de todas as áreas, gestores, especialistas em tecnologia da informação, pessoal de construção civil ede apoio à rede de turismo: há vagas! Recuperado do furacão que varreu a economia mundial depois do estouro da bolha imobiliária norte-americana, o Brasil corre atrás do prejuízo, estimulado por índices cada vez mais promissores de retomada do crescimento, pelos investimentos em infraestrutura com as obras do PAC (Programa de Aceleração do Crescimento), pelas promessas do pré-sal, pelo desafio desediar a Copa do Mundo em 2014 e os Jogos Olímpicos em 2016. Indústrias, laboratórios, a cadeia do petróleo e do gás, redes hoteleiras, escolas, empresas de todo o País sabem que, para garantir um salto de desenvolvimento, a matéria-prima mais preciosa é a mão de obra. Mas não qualquer mão de obra. Neste novo cenário, só tem vaga garantida o profissional devidamente qualificado.

"Conhecimentoé a mola-mestre da competitividade no futuro", resume o pesquisador Elíbio Rech, da Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia, uma área de fronteira que vem deixando de ser promessa para se tornar realidade no Brasil atual, com o avanço das pesquisas em engenharia genética, química medicinal, biologia molecular e setores afins. A Política Nacional de Desenvolvimento da Biotecnologia, lançada...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Aluno
  • Aluno
  • Aluno
  • aluno
  • aluno
  • aluno
  • Aluno
  • aluno

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!