O "velho regionalismo" e o debate estruturalista sobre o desenvolvimlatinaento da américa

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 211 (52594 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
CAMPUS DE RIBEIRÃO PRETO

FACULDADE ECONOMIA, ADINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

MÁRCIO BOBIK BRAGA

O “VELHO REGIONALISMO” E O DEBATE ESTRUTURALISTA SOBRE O
DESENVOLVIMENTO DA AMÉRICA LATINA

RIBEIRÃO PRETO
2007

UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO
CAMPUS DE RIBEIRÃO PRETO

FACULDADE ECONOMIA, ADINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE

MÁRCIO BOBIK BRAGA

O “VELHOREGIONALISMO” E O DEBATE ESTRUTURALISTA SOBRE O
DESENVOLVIMENTO DA AMÉRICA LATINA

Tese apresentada para concorrer ao
Concurso
de
Livre-docência
no
Departamento de Economia da Faculdade
de
Economia,
Administração
e
Contabilidade de Ribeirão Preto –
Universidade de São Paulo

RIBEIRÃO PRETO
2007

Autorizo a reprodução e divulgação total ou parcial desse trabalho, por qualquer meioconvencional ou eletrônico, para fins de estudo e pesquisa, desde que citada a fonte.

FICHA CATALOGRÁFICA

Márcio Bobik Braga
O “Velho Regionalismo” e o Debate Estruturalista sobre o
Desenvolvimento da América Latina. Ribeirão Preto, 2007.
115 p.: 30 cm
Tese de Livre-docência, apresentada à Faculdade de
Administração, Economia e Contabilidade de Ribeirão Preto/USP –
Área de concentração: FormaçãoEconômica e Social do Brasil.

1. Economia da América Latina 2. Integração Econômica
Regional. 3. Desenvolvimento Econômico.

Para Débora e Laura

4

Agradecimentos

Algumas pessoas foram realmente importantes para a elaboração deste trabalho.
Gostaria de agradecer particularmente os amigos e professores Kleber Chagas
Cerqueira, Amaury Patrick Gremaud, Júlio Manuel Pires, MariaChristina Campos e
Renato Leite Marcondes, pelas valiosas sugestões e contribuições.
Gostaria também de agradecer à profa. Maria Cristina Cacciamali, pelo
incentivo às atividades de pesquisa e pela oportunidade em participar do Programa de
Pós-graduação em Integração da América Latina – PROLAM/USP.
Gostaria de lembrar o apoio que recebi de vários funcionários da Faculdade de
Economia,Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto – FEARP/USP,
particularmente as colegas e funcionárias Vânia e Emiliana, do Departamento de
Economia.
Sou também profundamente grado minha família, filha e esposa, pelo amor,
atenção e paciência.

5

Resumo

Este trabalho analisa a importância do denominado “velho regionalismo” no
debate sobre industrialização e desenvolvimento na América Latina.Defendemos a
hipótese de que o pensamento estruturalista, desenvolvido no âmbito da Comissão
Econômica para a América Latina e Caribe – CEPAL, somente pode ser adequadamente
compreendido quando se consideram as propostas de integração regional desenvolvidas
por essa Comissão. Tais considerações reforçam inclusive a idéia de que o pensamento
estruturalista esteve longe de conspirar contra olivre comércio. Pelo contrário, tinha
como objetivo elevar a participação da América Latina no comércio mundial; a partir,
porém, de novas estruturas produtivas. O trabalho busca ainda avaliar a experiência da
Associação Latino-americana de Livre Comércio - ALALC e sua importância para o
debate em torno da integração econômica regional e cooperação entre países menos
desenvolvidos.

6 Abstract

The present work analyses the importance of so-called ‘old regionalism’ in the
debate regarding industrialization and development in Latin America. Our hypothesis is
that the structuralist approach, developed within the framework of the Economic
Commission for Latin America & Caribbean – ECLAC, must be understood in view of
projects of regional integration developed by thisCommission. These considerations
stress that structuralist thought was far from conspiring against free trade. On the
contrary, its goal was to employ new structures of production so as to increase Latin
America’s participation in world commerce. This research also seeks to evaluate the
experience of the Latin American Free Trade Association – LAFTA and its relevance
for the debate concerning...
tracking img