O torso arcaico de apolo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1908 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA
CENTRO DE COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO
DEPARTAMENTO DE LÍNGUA E LITERATURA ESTRANGEIRAS
LETRAS – LÍNGUA ALEMÃ E LITERATURAS




ELIANE KRAEMER PINHEIRO





TORSO ARCAICO DE APOLO
Arcaïscher Torso Apollos
de
Rainer Maria Rilke


















Florianópolis-SC
2012
ELIANE KRAEMER PINHEIRO




Análise de O TORSO ARCAICODE APOLO
Arcaïscher Torso Apollos
de
Rainer Maria Rilke






Análise dos aspectos de contexto, aspectos formais (rima e ritmo) e aspectos lexical, sintático e semântico do texto lírico O Torso arcaíco de Apolo (Arcaïsche Torso Apollos), de Rainer Maria Rilke, para fins de avaliação, na disciplina Introdução ao Estudo do Texto Poético eLiterário, ministrada pela Profª Mariana Silva de Campos Almeida, UFSC














Florianópolis-SC
2012
Introdução
O trabalho objetiva elaborar uma análise sobre a obra O Torso Arcaico de Apolo Archïscher Torso Apollos), do poeta Rainer Maria Rilke (1875-1926), com foco nos aspectos contextuais da obra, aspectos formais (rima e ritmo) e aspectos lexicais, sintático esemântico do texto lírico em questão. Para isso a professora propôs o modelo de análise de Antônio Cândido, com suporte bibliográfico que conduziu a disciplina e sites junto à WEB.
Para contextualização histórico-pessoal, efetuei consultas a trabalhos acadêmicos e análises referenciados neste trabalho. Para a análise e compreensão do universo poético foi preciso buscar uma contextualização domomento em que a obra foi escrita por Rilke. A análise dos aspectos formais (ritmos e rimas, os níveis lexicais, sintático e semântico) nos proporcionaram uma espécie de “laboratório”, onde pude exercitar, com base no conteúdo trabalhado em aula, trazendo o universo teórico para o campo prático.




Considerações sobre o autor e contextualização da obra:

Rainer Maria Rilke nasceu emPraga no dia 4 de dezembro de 1875. Estudou nas Universidades de Praga, Munique e Berlim. É considerado o maior poeta de língua alemã desde Goethe. Há um reconhecimento de sua influência na poesia moderna, conforme destaca Rondinelli (2011).[1]
A obra de Rilke retrata as diversas fases de evolução do poeta. Há um consenso sobre a característica da obra de Rilke, citada por Rondinelli (2011):encontramos uma riqueza e diversidade de uso de metáforas e, no poema objeto desta análise, há fortes nuances de reflexão, dotadas de misticismo sobre essa coisa inanimada que é o Torso de Apollo.
O referido soneto teria sido inspirado pela observação de uma escultura de Mileto do século V a.C. em visita do poeta ao Museu do Louvre. No Brasil, recebeu traduções de Manuel Bandeira, MárioFaustino e Ivo Barroso.O poema pertence a um período em que se acentua a influência das artes plásticas sobre a poesia de Rilke, com a influência do escultor francês Auguste Rodin (1840-1917), entre cujas obras se encontram diferentes torsos, além de atestadamente ter se impressionado com a produção do pintor Paul Cézanne (1839-1906)3. A plasticidade tornou-se a marca desta sua fase, chamada deDing-Gedichte ou “poemas-coisa”. É o próprio poeta quem, numa carta a Lou-Andreas Salomé (PFEIFFER, 1989 in Rondinelli, 2011, p.2), em 8/8/1903, afirma: “[...] Nur die Dinge reden zu mir. Rodins.
Uma definição interessante e que sintetiza bem esta fase de Rilke, foi colocada por José Paulo Paes, que traduziu a obra em 1993, onde afirma: “o poeta não apenas vê as coisas, mas assume a própriainterioridade delas”. Esta faceta, pode ser observada claramente no soneto “O Torso Arcaico de Apolo”, onde o autor confere ao torso, a animação inexistente no objeto de sua poesia. [...a cabeça que falta,....]...[...a luz do olhar que salta]....[E brilha.....]
[...Caminho poderia um sorriso e baixar...].
Esta fase ficou mais presente, após conhecer o escultor francês Auguste Rodin, em Paris,...
tracking img