O sujeito contemporaneo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 66 (16280 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A construção do sujeito contemporâneo
 
 
Nadja Ribeiro Laender
Círculo Psicanalítico de Minas Gerais
 
 

RESUMO
O presente trabalho enfoca a multiplicidade de fatores que propiciaram à estruturação do sujeito contemporâneo, enfatizando a importância dos meios de comunicação, a prevalência do registro do imaginário e suas conseqüências na estruturação do psiquismo.
Palavras-chave:Alienação, Narcisismo, Subjetivação, Formação do eu, Angústia, Narcisismo, Imaginário, Adoecimento psíquico.

 
 
A realidade psíquica necessita, para se constituir, além de alguém que vá decodificando e nomeando os primeiros balbucios de necessidade da criança, uma série de interações que são implementadas pelos aspectos culturais e sociais, sem deixar de lado a questão biológica pois a realidadepsíquica necessita de um suporte corporal para que as pulsões possam inscrever, sobre esse corpo, sua estória libidinal.
Entretanto, a cultura na qual a criança nasce carrega toda uma história e formas de pertencimento que se particularizam em seu meio familiar, propiciando traços identificatórios, valores e normas que são parâmetros balizadores para a construção da subjetividade e da realidadepsíquica. A sociedade produz padrões socialmente valorizados e aceitos que são encarnados nas instituições como o Estado, a família e a escola, servindo também como um lugar de amparo importante.
No século XX, inúmeras mudanças ocorreram levando a uma desintegração, a princípio lenta, não só dos valores vigentes da família, da moral e da sociedade, mas também a uma transformação radical nos meiosde comunicação, fator relevante para a introdução da cultura de massa e globalização do mercado.
David Harley1 , geógrafo inglês, citado por Gustavo Ribeiro (2000), apresenta uma teorização sobre o espaço onde o encolhimento do mundo é entendido como sendo um efeito de compressão do espaço-tempo, isto é, da aniquilação do espaço pelo tempo resultantes do tremendo desenvolvimento das indústriasde transportes, comunicação e informática . Segundo Harvey a compressão do tempo-espaço se refere aos processos que revolucionam de tal forma as qualidades objetivas do espaço e do tempo que nos vemos forçados a alterar, às vezes de maneiras bastante radicais, como nos representamos o mundo. Uso a palavra “compressão” porque se pode argumentar fortemente que a história do capitalismo tem sidocaracterizada pela aceleração do ritmo de vida, ao mesmo tempo que por uma superação de barreiras espaciais de tal forma que o mundo às vezes parece estar implodindo sobre nós.
Podemos concluir que os fatores velocidade e simultaneidade são as bases estruturais para a criação do mundo contemporâneo pois ambos concorreram de forma decisiva para o seu encolhimento e aumento da percepção fragmentada domundo ao colocarem à disposição do habitante da sociedade de massas uma incrível e inusitada quantidade de estímulos e informações.
A velocidade, hoje, tornou-se fato corriqueiro em nossas vidas mas devemos levar em consideração que todos os atuais meios de transportes deram um salto vertiginoso em termos de velocidade e tecnologia, do começo do século até nossos dias. O trem, o navio, o carro e oavião são símbolos da modernidade. Eles possibilitaram o transporte mais rápido e seguro de pessoas e, principalmente, agilizaram o comércio internacional.
Por outro lado, os aparelhos de simultaneidade ( o satélite, a televisão, o telefone, o computador e o fax) contribuíram sobremaneira na criação de realidades que, não sendo nossas, são vividas como tais. Essa virtualidade facilita e energizaa mistura hipercomplexa de pessoas, capital e informações, provocando dessa maneira uma profusão, uma exuberância de informações que os habitantes da nossa sociedade têm que processar.
Para poder processar tal quantidade de informações, o homem moderno teve que adotar uma linguagem única, globalizada, gerando como consequência uma perda de sua identidade cultural, dos regionalismos, das...
tracking img