O romantimo em portugal

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1243 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
O ROMANTISMO EM PORTUGUAL


O Romantismo em Portugal

O Romantismo teve início, em Portugal, com o poema Camões, de Almeida Garrett, publicado em 1825. Durante seu transcorrer, cultivaram-se a poesia, o conto, a novela, o romance, historiografia e o teatro. Ocorreram o aparecimento do jornalismo e o prestígio da Oratória. A poesia apresentou os seguintes nomes principais: Garrett, Castilho,Herculano, Soares de Passos e João de Deus. No conto, salientaram-se Herculano e Rebelo da Silva. Na novela, Camilo Castelo Branco. No romance, Júlio Dinis. No teatro, Garret.

A PRIMEIRA GERAÇÃO ROMÂNTICA

Almeida Garret, de vida aventuresca e movimentada, parece, à primeira vista, encarnar a própria mentalidade romântica, inclusive pelo modo meio escandaloso de vestir-se. A sua obraapresenta grande variedade, resultante do temperamento inquieto e dos muitos talentos que possuía. Em poesia, publicou Flores sem Fruto (1845), Folhas Caídas (1853) etc., em que exprime todo o seu dom-juanismo, por vezes tingido duma teatralidade sincera. Ao mesmo tempo, atribuiu aos versos uma naturalidade próxima do falar cotidiano. Em prosa, escreveu o Arco de Santana (1847-1850), romance histórico, eas Viagens na Minha Terra (1843-1845), obra em que se misturam o relato jornalístico, a literatura de viagens e a história de amor da Joaninha dos Olhos Verdes. Aqui também se estampa seu aspecto romântico, expresso numa linguagem fluente, fácil, direta e vibrante. Para o teatro, criou uma das obras-primas de toda a dramaturgia portuguesa: Frei Luís de Sousa (1843).

Alexandre Herculano deAraújo cultivou a poesia, o conto, o romance, o ensaio e a historiografia. Como poeta, alcançou somente notas medianas, por falta de maior sensibilidade. Em compensação, como ficcionista tornou-se um dos mais importantes da primeira época romântica. Os seus contos, reunidos em Lendas e Narrativas (1839-1844), tratam quase todos de temas históricos medievais. Igualmente de caráter histórico são osromances: O Monge de Cister (1841), Eurico, o Presbítero (1843), enfeixados sob o título de O Monasticon, e O Bobo (1843). Giram em torno de temas extraídos da história da Idade Média, ora focalizando a luta entre cristãos e mouros no século VIII (Eurico, o Presbítero), ora uma questão de honra durante o reinado de D. João I, ou seja, fins do século XIV e princípios do XV (O Monge de Cister), ora odespertar da nacionalidade portuguesa, no século XII (O Bobo). Misturando o fato verdadeiro e a fantasia, tais obras estão vazadas num estilo clássico, solene, oposto ao de Garrett. No conjunto da produção de Herculano, provavelmente a historiografia seja mais valiosa que a prosa de ficção. Assim, utilizando vasta e rigorosa erudição, baseada em documentos interpretados segundo critérios científicos,Herculano veio a ser o reformador da historiografia e o introdutor de novos métodos de compreensão histórica em Portugal.

Completando a tríade da primeira geração romântica em Portugal, Antônio Feliciano de Castilho, embora quase cego desde os seis anos de idade, prosseguiu os estudos, sobretudo dos poetas latinos, e diplomou-se em Cânones pela Universidade de Coimbra.
Suas primeirascomposições seguem severa contextura clássica; pouco depois, porém, mantendo alto o padrão linguístico, aderiu ao Romantismo com A Noite do Castelo (1836) e Ciúmes de Bardo (1838), poemas de tom declamatório, onde cultiva exagerado gosto romântico. Suas outras obras poéticas importantes são: Amor e Melancolia ou A Novíssima Helena (1828), Primavera (1822) e Outono (1866); em prosa citam-se: Tratado deMetrificação e Estudo Histórico-Poético de Camões.

A SEGUNDA GERAÇÃO DO ROMANTISMO

A segunda geração é formada pelos poetas ultrarromânticos, que levaram ao extremo a tendência sentimental e subjetiva do Romantismo. Dentre eles, ressalta a figura de Soares de Passos, morto precocemente, constituindo a perfeita encarnação do Ultrarromantismo, acima dos poetas de sua geração e próximo de...
tracking img