O quinze

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4549 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
C) além das falas das personagens, concorrem
para a produção dos sentidos do texto
elementos não-verbais, como, por exemplo, o
formato dos balões que envolvem os textos
verbais.
D) de acordo com as regras de pontuação, as
vírgulas utilizadas em “Mamãe, eu...” e “Cala
a boca, menino!”, por serem opcionais,
poderiam ser retiradas.
E) na fala: “Não tá vendo que eu tô ocupada?!”,
aparecemformas linguísticas características
do nível coloquial de linguagem.

LÍNGUA PORTUGUESA

TEXTO: 01

Nossos filhos

Leia o texto abaixo e responda à questão 03.

TEXTO: 02

Oficina irritada
(Disponível em: http://amarildocharge.wordpress.com/2010
/03/05/1053. Acesso em 01/10/2010).

Eu quero compor um soneto duro
como poeta algum ousara escrever.
Eu quero pintar um soneto escuro,seco, abafado, difícil de ler.

01. De acordo com a leitura do texto 01, escolha
a alternativa correta.

Quero que meu soneto, no futuro,
não desperte em ninguém nenhum
prazer.

A) As crianças de hoje perderam o respeito
pelos adultos e não lhes obedecem, sendo
necessário aos pais reeducar os filhos para
que estes, futuramente, não se tornem
jovens assaltantes.
B) O mau desempenhodas crianças na escola
está exclusivamente relacionado à falta de
atenção dos pais, que passam mais tempo
em frente à TV do que cuidando da educação
dos filhos.
C) A televisão tem contribuído para tornar as
pessoas mais agressivas, na medida em que
expõe uma programação que banaliza a
violência e deixa os sujeitos insensíveis.
D) A mensagem veiculada nos dois quadros
poderia sersubstituída pelo ditado: “Dize-me
com quem andas e te direi quem és.”,
mantendo-se a ideia expressa no texto
original.
E) Os atos infratores cometidos pelos jovens
podem estar relacionados à falta de diálogo
na família e ao mau exemplo dos pais.

E que, no seu maligno ar imaturo,
ao mesmo tempo saiba ser, não ser.
Esse meu verbo antipático e impuro
há de pungir, há de fazer sofrer,
tendão deVênus sob o pedicuro.
Ninguém o lembrará: tiro no muro,
cão mijando no caos, enquanto Arcturo,
claro enigma, se deixa surpreender.
(ANDRADE, Carlos Drummond de. Antologia
poética. 39.ed.Rio de Janeiro: Record, 1998. p.
188)

03. Com base na leitura do poema de Carlos
Drummond e nos seus conhecimentos acerca
das funções da linguagem, assinale a
alternativa correta.
A) Estão presentes asfunções poética e
metalinguística da linguagem, uma vez que o
texto chama a atenção para o arranjo singular
da mensagem e discute o código.
B) Estão presentes as funções fática e poética
da linguagem, pois, no texto, há o teste do
canal e um arranjo singular da mensagem.

02. Relativamente ainda ao texto 01, assinale a
alternativa errada.
A) se trata de um texto constituído de linguagemverbal e não-verbal, cujos sentidos se
constroem por meio do humor e da crítica.
B) as reticências presentes na fala do menino,
no primeiro quadro, servem para expressar
uma interrupção de turno no diálogo.

EXAME DE SELEÇÃO 2011



IFAL



ENSINO MÉDIO INTEGRADO

– PÁG.

1

04. Sobre esse texto, podemos afirmar apenas
que:

C) Está presente apenas a função poética, já
queo texto, sendo um poema, não permite a
presença de outra função da linguagem.
D) Estão presentes as funções referencial e
poética, porque, no texto, a atenção recai
tanto sobre o referente quanto sobre a
mensagem.
E) Estão presentes as funções poética e
conativa, já que há uma centralidade, ao
mesmo tempo, na mensagem e no receptor.

A) constitui uma apreciação valorativa produzida
B)C)
Este texto é para as questões 04 e 05.
TEXTO: 03

D)
‘London River’ é drama simples e emocionante
de tom político

E)

André Barcinski
Crítico da Folha de São Paulo

“London River” – “Destinos Cruzados” é
um filme simples e emocionante sobre como duas
pessoas de origens totalmente diferentes podem
ser afetadas da mesma maneira por uma tragédia.
Brenda Blethyn (“Segredos...
tracking img