O interior da terra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4504 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 2 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Leila Soares Marques

Professora do Departamento de Geofísica do Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da USP





A constituição e os processos que ocorrem no interior e na superfície terrestre sempre despertaram grande curiosidade e certo fascínio na humanidade. Devido ao fato de a Terra ser inacessível para a observação direta do seu interior, muitasespeculações, geralmente associadas a crenças religiosas, fizeram com que o conhecimento da sua origem, constituição, estado físico e evolução progredisse muito lentamente. Ainda no início do século XVII acreditava-se que a Terra possuía cerca de 6.000 anos, idade esta baseada em relatos bíblicos e especulações de antigos filósofos gregos.

Entre os séculos XVII e XVIII ocorreu um certo avanço sobre oconhecimento da Terra. Entretanto, no final desse período acreditava-se ainda que seu interior era constituído por inúmeros túneis, conectados entre si a câmaras preenchidas com os materiais expelidos pelos vulcões. Estes representavam os pontos de ligação entre a superfície terrestre e o interior profundo. No início do século XIX, quando as primeiras minas e poços mais profundos foram perfurados, foicomprovado que há um aumento significativo da temperatura com a profundidade. Lord Kelvin (1824-1907), físico muito conceituado na época, utilizou a taxa de aumento da temperatura com a profundidade, observada em minas, para supor que a Terra formou-se pelo resfriamento de uma massa em fusão e para calcular que o tempo necessário para atingir a temperatura atual deveria ser no máximo de cerca de 100milhões de anos. Essa idade era contestada por cientistas da época, que a consideravam muito pequena para explicar a evolução dos seres vivos e dos estratos geológicos.

A descoberta da radioatividade, em 1896, por Henri Becquerel, promoveu um grande progresso no que se refere ao conhecimento da idade da Terra, pois em 1903 o casal Pierre e Marie Curie mostrou que no processo de decaimentoradioativo há geração de calor. Portanto, a idade obtida por Kelvin necessitava ser revista, pois em seus cálculos esse importante fator não havia sido computado.

Foi, no entanto, no século XX que ocorreu uma grande revolução sobre a origem, constituição e evolução do nosso planeta. A datação radiométrica é o método utilizado atualmente para a determinação da idade das rochas e, através dele,sabemos hoje que a Terra possui 4,5 bilhões de anos. Foi nesse século que a geofísica estabeleceu-se como ciência, permitindo a obtenção das informações de que dispomos hoje sobre o interior terrestre, as quais são baseadas na propagação de ondas sísmicas produzidas por tremores de terra, em medidas tanto do calor emitido em sua superfície, como também dos campos magnético e de gravidade.

Essasdeterminações permitiram verificar que a Terra não é internamente homogênea, tanto sob o ponto de vista composicional, como também quanto ao estado físico, sendo composta essencialmente por quatro camadas esféricas e concêntricas. Os dados geofísicos, principalmente os obtidos através da sismologia, mostram que a Terra possui um núcleo interno com raio de 1.250 km composto por um material de altadensidade (12,6 a 13,0 g/cm3) no estado sólido, o qual é envolto por uma outra camada, denominada de núcleo externo, constituída por um material com densidade um pouco menor (9,9 a 12,2 g/cm3) e com 2.200 km de espessura, cujo estado é líquido.

O manto é a camada que envolve o núcleo, seu estado é sólido, sua espessura é de cerca de 2.900 km e sua densidade é bem menor que a do núcleo, variando de3,5 a 5,5 g/cm3. A crosta é a camada sólida superficial e a mais conhecida da Terra, possui densidade de cerca de 2,7 a 2,9 g/cm3 e espessura em torno de 6 km em áreas oceânicas e de 35 km em áreas continentais, podendo atingir valores de até 80 km sob cadeias montanhosas, como por exemplo nos Andes e no Himalaia. A proporção em volume de cada uma dessas camadas é semelhante ao que se observa...
tracking img