O "erro" no cancioneiro popular

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (802 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
A gente cantamos errado ?


O cancioneiro popular está repleto de casos em que o padrão da língua foi subvertido. Muitos assaltaram a gramática, como entoam Lulu Santos e Herbert Viana, depropósito. Outros buscam aproximar-se do coloquial, e com isso privilegiam variantes outras que não a escrita culta. Há, porém, um repertório de canções brasileiras em que o tropeço de português,involuntário ou deliberado, é tão integrado à lógica interna da composição que, se corrigido, a música sofreria algum tipo de perda.

Beija Eu
Marisa MonteComposição: Marisa Monte / Arnaldo Antunes / Arto Lindsay



Seja eu!
Seja eu!
Deixa que eu seja eu
E aceita
O que seja seu
Então deita e aceita eu...
Molha eu!
Seca eu!
Deixaque eu seja o céu
E receba
O que seja seu
Anoiteça e amanheça eu...
Beija eu!
Beija eu!
Beija eu, me beija
Deixa
O que seja ser...
Então beba e receba
Meu corpo no seu
Corpo eu,no meu corpo
Deixa!
Eu me deixo
Anoiteça e amanheça...
Seja eu!
Seja eu!
Deixa que eu seja eu
E aceita
O que seja seu
Então deita e aceita eu...
Molha eu!

Seca eu!
Deixa queeu seja o céu
E receba
O que seja seu
Anoiteça e amanheça eu...
Aaaaah! ah ah ah ah! ah!
Ah! ah ah ah!
Ah! ah ah ah!
Ah ah ah!...


O erro é a idéia
Por vezes, asupressão da norma é o que fortalece a idéia a ser comunicada. O rock A gente somos inútil, sucesso do Ultraje a Rigor na década de 80, é um exemplo. Ao mandar a regência e a concordância às favas, oautor Roger Moreira


encontrou uma maneira debochada de enfatizar a idéia de um país acostumado a conviver com a precariedade e a ineficiência em vários setores.
A gente não sabemos escolherpresidente
A gente não sabemos tomar conta da gente
A gente não sabemos nem escovar os dentes
Tem gringo pensando que nós é indigente
Inútil, a gente somos inútil
Inútil, a gente somos inútil
(A...
tracking img