O adolencente e o chamado misterial

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1090 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SEMINÁRIO TEOLOGICO BATISTA DO NORDESTE

RESUMO DO MODULO: METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTIFICO.

Abraão Oliveira Paiva

Salvador
2012
ABRAÃO OLIVEIRA PAIVA

RESUMO DO MODULO: METODOLOGIA DO TRABALHO CIENTIFICO.

Resumo apresentada ao Curso de Bacharel em Teologia, do Seminário Teológico Batista do Nordeste, como parte dos requisitos para aprovação da disciplina de Metodologiacientifica.

Orientador do Trabalho:

Prof. Cleonaide Pinto

Salvador
2012

INTRODUÇÃO

Na tentativa de responder perguntas como: O que é o chamado? Quem, e por que chamou? Quando atender o chamado? Surgiu à ideia de desenvolver um seminário que irá abordar assuntos relativos ao posicionamento do jovem cristão em sua igreja e comunidade, dons e talentos, o uso da arte (dança, música, teatro eetc.) no seu ministério. Quais as responsabilidades do adolescente cristão? Como lidar com seus complexos e receios? Quais decisões tomar diante de um mundo onde as verdades são tão relativas? Esses e tantos outros questionamentos comuns a todo adolescente cristão, serão tratados com o objetivo de produzir o despertar a convicção do chamado divino a suas vidas tornando-os assim jovens conscientes efuturamente adultos mais seguros e comprometidos com á abra de Deus.

O Seminário “Adolescente e o Chamado Ministerial” é um projeto criado com o objetivo de esclarecer ao adolescente cristão, a luz da Bíblia, de forma aberta e participativa, assuntos referentes ao chamado de Deus a sua vida.

Conforme Leal apud Erikson (1976), a fase da adolescência é marcada como a passagem doadolescente por um período de alinhamento aparente, mas que é, na realidade, um período de procura e especulação. A chamada moratória psicossocial. O jovem neste período é mais criativo, pensa sua vida, programando um futuro. Experimenta e reexperimenta mentalmente várias vezes, os vários papéis sociais que até então desempenhou tentando se identificar melhor com algum que represente seus sonhos e seusprojetos. Alguns adolescentes têm esse período muito curto e cedo já fazem suas escolhas. Outros, por outro lado, vivenciam inúmeras experiências, e só muito mais tarde assumem esse investimento.

Segundo Donas (1991) é durante a adolescência que o indivíduo elabora seu projeto de vida, desenvolvendo estratégias para a concretização do seu sonho. Na adolescência, existe ainda uma variedade dedimensões a explorar e muitas mudanças a efetuar. O nível de exploração pode ser diferente em cada área da sua identidade. Ou seja, se numa dessas áreas que compõem a sua identidade já fez sua escolha, em outra pode estar em exploração ativa. Em outra pode nem ter começado ainda. Tendo como exemplo a escolha de uma profissão. O seminário tem com foco direcionar o adolescente a um contato maior, no quediz respeito a sua vida ministerial, motivando o mesmo a ter uma antevisão do futuro vislumbrando o ministério, e a consciência do chamado de Deus, sem os quais o adolescente cristão não entenderá o que é, ou o que pode vir a ser em termos de funcionalidade no corpo de Cristo.

IDENTIFICAÇÃO

- O ADOLESCENTE E O CHAMADO MINISTERIAL
- IGREJA BATISTA SHALOM
- ABRAÃO OLIVEIRA PAIVA
- SÃOFRANCISCO DO CONDE – BA
- __/___/__

JUSTIFICATIVA
Há três anos trabalho com o departamento de juniores e adolescentes da igreja de qual sou membro. E percebi ao decorrer desse trabalho que muitos deles, mesmo já possuindo um contato com muitas das atividades da igreja na comunidade não estão cientes de seu papel na “Grande comissão”. Qual é o seu chamado ministerial e quais são as suasresponsabilidades no reino de Deus. Como conscientizar adolescentes cristãos, parte integrante do corpo de Cristo, que apesar de tão pouca idade, também são chamados para o trabalho no “Reino do Senhor”?
Sabemos que a igreja é um corpo do qual todos nos fazemos parte e como membros que somos, possuímos funcionalidades distintas. O apostolo Paulo afirma “...Porque, assim como o corpo é um, e tem muitos...
tracking img