A importancia da leitura

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2502 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A IMPORTÂNCIA DA LEITURA

Fernanda Pires Rodrigues
Prof. Simoni Jacobsen Bierhals
Centro Universitário Leonardo da Vinci – UNIASSELVI
Curso Led 0088 – Prática Módulo III
06/7/2011

RESUMO

A leitura é algo crucial para a aprendizagem do ser humano, pois é através dela que podemos enriquecer nosso vocabulário, obter conhecimento, dinamizar oraciocínio e a interpretação, podemos dizer que ler é acima de tudo compreender.

Palavras chave: Leitura; Compreensão; Escola.


1 INTRODUÇÃO

A prática da leitura se faz presente em nossas vidas desde o momento em que começamos a compreender o mundo à nossa volta. No constante desejo de decifrar e interpretar o sentido das coisas que nos cercam.

A atividade de leitura não corresponde auma simples decodificação de símbolos, mas significa de fato, interpretar e compreender o que se lê. A partir daí, podemos começar a refletir sobre o relacionamento leitor – texto, dissemos que ler é acima de tudo compreender e para que isso aconteça é preciso que o leitor esteja comprometido com a leitura, ele precisa manter um posicionamento crítico sobre o que lê, não apenas um posicionamentopassivo.

Quando atende a essa necessidade o leitor se projeta no texto, levando para dentro de si toda sua vivência pessoal, com suas emoções e perspectivas. Dessa forma, o único limite para a amplidão da leitura é a imaginação do leitor, é ele mesmo quem constrói as imagens acerca do que está lendo. Por isso ela se revela como uma atividade extremamente frutífera e prazerosa, por meio dela alémde adquirirmos mais conhecimentos e cultura, o que nos fornece maior capacidade de diálogo e nos prepara melhor para atingir as necessidades.

A leitura permite ao homem abrir as portas de sua percepção. Quando movido por curiosidade, pelo desejo de crescer, de se renovar constantemente, tornando-se cada dia mais apto a estar no mundo capaz de compreender até as entrelinhas daquilo que ouve evê, do sistema que está inserido. Assim, tem ampliada sua visão de mundo e seu horizonte de expectativas.


2 FORMAÇÃO DA LEITURA

A formação da leitura é a atividade relacionada com a subjetividade do leitor: não só com o que o leitor sabe, mas também com aquilo que ele é. Pensa-se em leitura como algo que forma ou deforma e transforma, como algo que constitui ou revela naquilo que seé. Segundo Cagliari (1991, p.138) “A leitura, portanto não é um passatempo, nem se reduz, tampouco, a um meio para se conseguir conhecimento. Se usar a leitura para adquirir conhecimentos, depois dela sabe-se algo que antes não se sabia, tem-se algo que antes não se tinha, mas continua-se sendo os mesmos que antes, nada se modificou. É como estar vendo o mundo passar à volta e permanecerexteriores, alheios, impassíveis.”

Dessa forma a leitura não pode apenas ser informativa, sendo assim não há alteração do sujeito que pensa e muito menos do seu modo de agir na prática.

Mas o estudo apresentado defende o sujeito que parte das informações obtidas pela leitura para fazer uma seleção e reelaborar o conhecimento de modo em por em prática nas suas experiências, mantendo uma relaçãoentre o texto e a subjetividade.

Quando a informação se transforma em conhecimento é demonstrada a capacidade de obtê-lo por meio da aprendizagem reconstrutiva.

De acordo com Almeida (2002, p.28) “A leitura enquanto formação tem a ver com aquilo que faz o indivíduo ser o que é, implica pensá-la como um tipo particular de relação, a hermenêutica, de produção sentido. Uma pessoa que não é capazde se pôr à escuta cancelou seu potencial de formação e de transformação.” Assim sendo, a leitura como formação não é apenas importante o texto, mas a relação com o texto.


2 A LEITURA NA ESCOLA

A escola pode proporcionar várias práticas de leitura diferenciadas. Em relação aos espaços de trabalho com a leitura, procuramos evidenciar os espaços da escola como um todo e, por outro...
tracking img