A imagem da cidade - capitulo 3 e 4

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1567 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Capítulo 3 – A imagem da cidade e seus elementos

Cada imagem individual é única e possui algum conteúdo que nunca ou raramente é comunicado, mas ainda assim ela se aproxima da imagem pública que, em ambientes diferentes, é mais ou menos impositiva, mais ou menos abrangente. O conteúdo das cidades até aqui estudadas, que remetem às formas físicas, pode ser adequadamente classificado em 5 tiposde elementos: vias, limites, bairros, pontos nodais e marcos e podem ser definidos da seguinte maneira:

1- Vias – são canais de circulação ao longo dos quais o observador se locomove de modo habitual, ocasional ou potencial. Podem ser ruas, alamedas, linhas de trânsito, canais, ferrovias. Para muitas pessoas, são estes elementos predominantes em sua imagem.

2- Limites - são elementoslineares não usados ou entendidos como vias pelo observador, são fronteiras entre duas faces, quebras de continuidade lineares:praias, margens de rios, lagos, etc., cortes de ferrovias, construções, muros e paredes. São referências laterais, mais que eixos coordenados.

3- Bairros – são regiões médias ou grandes de uma cidade, concebidos como dotados de extensão bidimensional.O observador neles penetramentalmente, e eles são reconhecíveis por possuírem características comuns que os identificam.Sempre identificáveis a partir do lado interno, são também usados como referência externa quando vistos de fora.

4- Pontos Nodais – são pontos, lugares estratégicos de uma cidade através dos quais o observador pode entrar, são focos intensivos para os quais ou a partir dos quais se locomove. Podem serbasicamente junções, locais de interrupção do transporte, um cruzamento ou uma convergência de vias, momentos de passagem de uma estrutura a outra. Alguns desses pontos nodais são o foco e a síntese de um bairro, sobre o qual sua influência se irradia e do qual são um símbolo.

5- Marcos – são outro tipo de referência, mas, nesse caso o observador não entra neles: são externos. Em geral, são umobjeto físico definido de maneira muito simples: edifício, sinal, loja ou montanha. Seu uso implica a escolha de um elemento a partir de um conjunto de possibilidades. Alguns marcos são distantes, tipicamente vistos de muitos ângulos e distâncias, acima do ponto mais alto de elementos menores e usados como referências radiais. Podem ou não estar dentro da cidade.


Capítulo 4 – A forma dacidade
A maioria dos objetos que nos acostumamos a considerar belos, como uma pintura ou uma árvore, tem a finalidade única. Há neles, através de um longo desenvolvimento ou da marca de uma vontade pessoal, uma ligação íntima, visível, entre o detalhe sutil e a estrutura total. Uma cidade é uma organização mutável e polivalente, um espaço com muitas funções, erguido por muitas mãos num período detempo relativamente rápido. Existem, porém algumas funções fundamentais, que as formas da cidade podem expressar: circulação, usos principais do espaço urbano, pontos focais chaves.
Para citarmos um único exemplo, Florença é uma cidade dotada de poderosa personalidade, um lugar apreciado. A cidade tem uma história econômica, cultural e política de enormes proporções e que os indícios visuais dessepassado explicam grande parte das inconfundíveis características. O centro da cidade tem características regionais: ruas extremamente estreitas e com calçamento de pedras, altos edifícios de estuque de pedra e de cor cinzento-amarelada, com venezianas, grades de ferro e estradas que lembram cavernas, encimadas pelos característicos beirais. Nessa área existem muitos pontos nodais, a área centralestá cheia de marcos. As pessoas desenvolvem ligação com essas formas claras e diferenciadas, tanto em decorrência do passado quanto de suas experiências.



O desenho das ruas
Aumentar a imaginabilidade do ambiente urbano significa facilitar sua identificação e estruturação visuais. As vias, a rede de linhas habituais ou potenciais de deslocamento através do complexo urbano são o meio mais...
tracking img