A grande verdade de igreja de jesus

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3344 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de julho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A Grande verdade da Igreja de Jesus. |

Escrito por Leandro Batista da Silva    |
Durante minha infância, sempre segui a doutrina Católica como verdade universal, nunca duvidei dos ensinamentos, mas como toda criança, não conseguia ter plenos entendimentos sobre muitas questões religiosas, como o significado dos sacramentos, da liturgia, dos porquês das tradições, e não era por falta deexplicações, mas sim pela pouca idade limitando o poder de entendimento, mesmo assim, agradeço a minhas Catequistas que com atenção e carinho nos guiaram através da infância, e ainda hoje me lembro de muitas de suas aulas.Ao entrar na adolescência, começaram a surgir dúvidas, sempre ocasionadas por pessoas de outras religiões geralmente protestantes evangélicos, que vinham me dizer “sua religião estáerrada por isto e por aquilo...” e a me questionar “Por que vocês “adoram” imagens se na Bíblia diz que é pecado? Por isto vocês irão para o inferno!” “Quem deu autoridade ao Papa para ser o líder da igreja?” “Confessar os pecados a Deus já é suficiente, por que contam para os padres?” “Maria não deve ser venerada, não era virgem e teve vários filhos” “Por que a igreja proíbe o casamento desacerdotes” e assim por diante. Por toda esta infinidade de absurdos protestantes, contato com eles e falta de discernimento normal a uma criança, eu sofri uma crise de fé imensa que durou da adolescência até a vida adulta, mas ao mesmo tempo nunca aceitei as igrejas evangélicas, pois eu sabia que existiam milhares de denominações diferentes dessas igrejas, e cada uma com sua própria doutrina eentendimentos diferentes sobre diversas questões, cada uma se dizendo a verdadeira igreja de Cristo. Cheguei ao ponto de abominar as religiões por conta das dúvidas, e ao invés de tentar esclarecê-las simplesmente deixei de freqüentar a igreja.Há algum tempo comecei a me assustar com o grande numero de pessoas se convertendo para as igrejas evangélicas, entre eles muitos conhecidos meus por terem asmesmas dúvidas e enganos proferidos por evangélicos, e da mesma forma que muitos fazem “não procurar esclarecimento”, eles caíram nas armadilhas.Após o começo da vida adulta e agora universitário cursando Administração de Empresas e muito mais esclarecido comecei então organizar um estudo que já vinha realizando há algum tempo através de trabalho sério de pesquisa por conta própria, através dos textosbíblicos, comparando evangelhos, as versões da Bíblia de protestantes e Católicos, ensinamentos, tradições, história geral e história da religião, textos antigos, patrísticos e entre eles apócrifos, troca de informações com religiosos de diversas igrejas, pesquisas em trabalhos de teólogos etc. Toda a fonte de informação disponível eu pesquisei para saber o que havia de errado com a IgrejaCatólica Apostólica Romana, e para minha surpresa, e ainda não terminei esses estudos, descobri que não havia e não há nada de errado com a nossa igreja, a igreja de Jesus, mas sim com os protestantes.Através de alguns textos aqui apresentados e sendo um resumo de meus estudos, posso demonstrar com a ajuda de outros irmãos, os grandes erros dos protestantes. Alguns destes trechos foram tirados de textosde ex-evangélicos estudiosos da igreja, que encontraram as mesmas respostas que eu encontrei e se converteram à igreja Católica e outros textos de minha autoria por minha própria pesquisa que sanou todas as dúvidas sobre a Igreja Católica.
Testemunhos de um ex-protestante (a fonte original contém 150 razões para ser católico, retirado do site veritatis, com publicação de Jaime Francisco de Moura,eu coloquei apenas alguns trechos)
Obs. vários trechos de passagens bíblicas foram incorporadas por mim para ilustrar o testemunho:No geral as Igrejas Protestantes, são culpadas ao elevar demais a figura do Pastor. Por este motivo, congregações evangélicas passam por crises severas, dividindo-se em outras quando um pastor vai embora, provando-se que suas filosofias e doutrinas são centradas no...
tracking img