A crise de 1929

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2305 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
AMANDA GRANDE ALVES RA: A7607C2
GABRIELA DE OLIVEIRA LIMA RA: A819IB0
JOSÉ RICARDO DE ARAÚJO FILHO RA: A941018
VANESSA LAÍS BARBOSA DE CASTRO RA: B048638

A GRANDE DEPRESSÃO

São Paulo
Maio– 2011

AMANDA GRANDE ALVES
GABRIELA DE OLIVEIRA LIMA
JOSÉ RICARDO DE ARAÚJO FILHO
VANESSA LAÍS BARBOSA DE CASTRO

UNIP
UNIVERSIDADE PAULISTA
CURSO DE ADMINISTRAÇÃO

A GRANDE DEPRESSÃO

Trabalho apresentadocomo requisito parcial à
Disciplina de Economia, Curso de
Administração, da
UNIP, aos cuidados da Prof.ª Rosely Gaeta.

São Paulo
Maio – 2011

2

ÍNDICE
ANTECENDENTES DA CRISE

4

CAUSAS DA CRISE

5-6

O QUE SÃO RECESSÕES E DEPRESSÕES?

7

O NewDeal : UMA PROPOSTA PARA AMENIZAR A CRISE

8

AS CONSEQUÊNCIAS DA CRISE E O AVANÇO DOS REGIMES TOTALITÁRIOS 9

DÉCADA PERDIDA

10

IMAGENS DA GRANDEDEPRESSÃO

11

CHARGE

12

CONCLUSÃO

13

RESUMO

14-15

OBSERVAÇÕES

16

BIBLIOGRAFIA REFERENCIAL

17

3

ANTECENDENTES DA CRISE

Com o fim da Primeira Guerra Mundial, os países europeus encontravam-se
devastados, com a economia enfraquecida e com forte retração de consumo, que abalou
a economia mundial. Os Estados Unidos por sua vez, lucraram com a exportação de
alimentos e produtos industrializadosaos países aliados no período pós-guerra. Como
resultado disso, entre 1918 e 1928 a produção norte-americana cresceu de forma
estupenda. A prosperidade econômica gerou o chamado "american way of life" (modo
de vida americano). Havia emprego, a agricultura produzia muito e o consumo era
incentivado pela expansão do crédito e pelo parcelamento do pagamento de
mercadorias.
Após a guerra o quadro nãomudou, pois os países europeus estavam voltados para a
reconstrução das indústrias e cidades devastadas pela guerra, necessitando manter suas
importações e empréstimos, principalmente dos EUA.

4

CAUSAS DA CRISE

A situação começou a mudar no final da década de 1920. A economia européia
posteriormente se restabeleceu e passou a importar cada vez menos dos Estados Unidos.
Reconstruídas, as naçõeseuropéias diminuíram drasticamente a importação de produtos
industrializados e agrícolas dos Estados Unidos.
Com a retração do consumo na Europa, as indústrias norte-americanas não tinham mais
para quem vender. Havia mais mercadorias que consumidores, ou seja, a oferta era
maior que a procura; consequentemente os preços caíram, a produção diminuiu e logo
o desemprego aumentou. A queda dos lucros, aretração geral da produção industrial e a
paralisação do comércio resultaram na queda das ações da bolsa de valores e mais tarde
na quebra da bolsa. Portanto, a crise de 1929 foi uma crise de superprodução.
Grande parte destas empresas possuía ações na Bolsa de Valores de Nova York e
milhões de norte-americanos tinham investimentos nestas ações.
Em outubro de 1929, percebendo a desvalorizando dasações de muitas empresas,
houve uma correria de investidores que pretendiam vender suas ações. O efeito foi
devastador, pois as ações se desvalorizaram fortemente em poucos dias. Pessoas muito
ricas passaram, da noite para o dia, para a classe pobre. O número de falências de
empresas foi enorme e o desemprego atingiu quase 30% dos trabalhadores.

5

A crise, também conhecida como “A GrandeDepressão”, foi à maior de toda a
história dos Estados Unidos. Como nesta época, diversos países do mundo mantinham
relações comerciais com os EUA, a crise acabou se espalhando por quase todos os
continentes.
A crise de 1929 afetou também o Brasil. Os Estados Unidos eram o maior
comprador do café brasileiro. Com a crise, a importação deste produto diminuiu muito e
os preços do café brasileiro caíram.Para que não houvesse uma desvalorização
excessiva, o governo brasileiro comprou e queimou toneladas de café. Desta forma,
diminuiu a oferta, conseguindo manter o preço do principal produto brasileiro da época.
Por outro lado, este fato trouxe algo positivo para a economia brasileira. Com a crise do
café, muitos cafeicultores começaram a investir no setor industrial, alavancando a
indústria...
tracking img