Viaduto santa ifigenia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1397 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE PAULISTA

ANDREWS MANZO BARRETO
RA A7126D-9

VIADUTO SANTA IFIGENIA

SAO PAULO
2012
Viaduto Santa Ifigênia

A Historia

Constituiu-se num marco de S.Paulo - Simbolo representado em inúmeras publicações e cartões postais.
Diversas variantes políticas tiveram influencia na sua construção. A história desse viaduto se inicia por volta de 1890. 

Consta ter sido idealizado por Franciscoda Cunha Bueno e Jayme Serra, que obtiveram naquele ano, a licença do Conselho de Intendentes, para a sua construção. A obra não foi iniciada e o contrato foi cancelado. 

Em março de 1893 a Câmara autorizou a desapropriação do terreno entre o Mosteiro de S.Bento e a Cia Paulista de Vias Férreas e Fluviais,para ser executada a obra.

Placa de bronze fixada ao viaduto na data de inauguração,providenciada pelo prefeito interino Raymundo Duprat

Novo contrato e novas interferências não permitiram a sua realização.

Em 1904, o vereador Oswaldo Nogueira de Andrade, solicitou estudos e orçamentos para a construção do viaduto com 300 m, tendo sido a Prefeitura autorizada a levantar os fundos necessários. 



Mais uma vez, nada se conseguiu até que em 1906. Os vereadores Candido Motta e UrbanoAzevedo, por insistência pública conseguiram obter o “parecer nº 47” da Comissão de Obras - que concluiu pela necessidade inadiável da construção do viaduto.

Esse seria metálico e deveriam ser solicitadas propostas de especialistas para concorrerem. 

Foi necessária a aprovação de uma lei especifica, e somente dois anos mais tarde, em 1908 foi publicado o edital. Novas dificuldades com a Câmara,agora criadas pelo vereador Silva Telles, focalizando aspectos burocráticos.

Finalmente o prefeito interino em exercício Raymundo Duprat conseguiu dar andamento ao processo.

Mas Silva Telles continuava a dificultar, e em 27 de julho de 1908, solicitava a volta dos papeis á Câmara para serem re-estudados - A Comissão de Justiça da Câmara aprovou a volta dos papeis, porem sem prejuízo do edital.Somente após longas discussões, a Câmara rejeitou o requerimento de Silva Telles. Desta vez parecia que a obra se iniciaria. Foi obtido pela prefeitura um financiamento de 700 mil libras esterlinas junto ao governo da Inglaterra, fato esse pioneiro na municipalidade



Na concorrência foram selecionadas cinco empresas construtoras, das vinte que apresentaram propostas.


As empresas Giulio Micheli,Bromberg Haecker & Cia, Schmidt & Trost, Cia Mecânica Importadora, e Lion & Cia. Foram consideradas como as de melhores projetos. A proposta vencedora foi a da Giulio Micheli com projeto bastante detalhado e memorial de calculo. 



Seriam arcos biarticulados, com 51 m entre apoios e flecha de oito m. A obra foi iniciada no começo de 1910, decorridos vinte anos após a primeira idéia evencidas todas as barreiras.


O viaduto com 225m teria tabuleiro superior e seria formado por cinco tramos, sendo 3 centrais com 53.5 m com flecha de 7.50m. O memorial de calculo justificativo foi da firma Aciéries d´Angleur com minúcias de precisão.

Eis algumas características do projeto definitivo; dois vãos de 30 m, em vigas retas de alma cheia e 3 vãos em arco com 55 m.com montantesverticais e longarinas de alma cheia. Tabuleiro Superior, com cinco vãos independentes, completando 225 m.de comprimento total, e com largura entre guarda corpos, de 13.60m. Calçadas com 2.55 m.com oito cm de concreto e 2 de asfalto.

A via de transito foi pavimentada com blocos de granito (Paralelepípedos) (vide comentário no item reformas). O viaduto incluía duas vias de trilhos para bondes“elétricos”, com bitolas paralelas de 1.44m, centradas em relação ao eixo. O sistema estrutural dos três tramos centrais com 55 m compreende arcos com tres rótulas, com uma flecha de 7.5m, ou seja, entre L/7 e L/8.
Os quatro arcos paralelos são formados por vigas curvas em caixão, totalmente executadas em aço laminado e constituídas por duas almas de chapas, ligadas ás mesas formadas por 4 cantoneiras e...
tracking img