Ventura terra

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1136 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Miguel Ventura Terra ea Arquitectura

Miguel Ventura Terra é o sexto filho sobrevivente e o mais novo dos treze filhos de João Bento Terra e Maria Victoria Affonso Lindo Terra. É sem dúvida o mais importante arquitecto português da sua época. Visitou-nos entre Julho de 1866 e 30 de Abril de 1919. Segue agora a sua obra.

Detalhes da Ordem Jónica do Templo de Vitória Aptera em Atenas, 1888Trabalho escolar

Habitação para um pintor estatuário,
1888 Trabalho escolar

Jogo de Péla,

1888 Trabalho escolar

Palácio da Justiça,

1889

Lisboa, para o Governo Português (não construído)

Sanatório/Hospital Marítimo para crianças,
1889 (não construído)

Etude d’une travée d’angle d’un bâtiment d’habitation, 1889 Trabalho escolar

Manufactura para o Estado,
1890Trabalho escolar

Hôtel pour riche particulier,
1890 Trabalho escolar

Pedestal do Monumento Saldanha,
1889 Lisboa, para o Governo Português

Monumento à Concordia,
1891 Praça da Concordia – Paris, Trabalho escolar

Lustre pour l’éclairage électrique d’un jardin d’hiver,
1891 Trabalho escolar

Palácio da Associação Geral de Estudantes,
1892 Trabalho escolar

Monumento ao InfanteD. Henrique,
1893 Praça D. Henrique – Porto para a C.M.do Porto (não construído)

Monumento ao Infante D. Henrique,

1894 Maqueta em barro em pareceria com o escultor António Teixeira Lopes (demolido)

Palácio das Cortes/Assembleia da Republica – Intervenção, 1895-1903 Praça de S. Bento – Lisboa, para o Governo
Português

Palácio das Cortes/Assembleia da Republica – Intervenção,1895-1903 Praça de S. Bento – Lisboa, para o Governo
Português

Casa do Dr. Manuel Francisco Pereira,
1896 Porto

Casa do Dr. Alfredo Bensaude,
1896 Lisboa

Casa de Domingos Luís Terra,
1898 Seixas – Caminha

Casa de Miguel Ventura Terra,
1898 Seixas – Caminha

Pavilhões de Portugal – Exposição Universal de Paris,
1899-1900 Paris, para o Governo Português

Santuário de S.taLuzia,
1899-1925 Monte de S.ta Luzia – Viana do Castelo

Santuário de S.ta Luzia,
1899-1925 Monte de S.ta Luzia – Viana do Castelo

Casa de D. Luiz de Castro,
1900 Lisboa

Prédio de Manuel Vicente Ribeiro Júnior,
1900-1903 Lisboa (demolida em 1998)

Casas geminadas de Miguel Henriques dos Santos,
1900-1904 Monte Estoril – Cascais

Casa de Miguel Henriques dos Santos,
1899-1901Lisboa (demolida)

Hotel de S.ta Luzia,

1900

Monte de S.ta Luzia – Viana do castelo, para José Domingos de Moraes

Hotel de S.ta Luzia,

1900

Monte de S.ta Luzia – Viana do castelo, para José Domingos de Moraes

Pedestal do Monumento a Soares dos Reis,
1901-1904 Vila Nova de Gaia, para a C. M. de Vila Nova de Gaia

Casa de Teresa Jesus Amorim,
1901 Póvoa de Varzim

Casade A. Ribeiro,
1901 Lisboa (demolida)

Casa de Abreu Valente,
1901 Monte Estoril – Cascais

Associação Protectora da Primeira Infância,
1902-1903 Lisboa

Jazigo da Família de José Joaquim Nogueira,
1902 Cemitério de S. Pedro de Seixas – Caminha

Jazigo da Família de João Bento Terra,
1902 Cemitério de S. Pedro de Seixas – Caminha

Estabelecimento Balnear,
1902 Setúbal(demolido)

Palacete Mendonça,

1902-1909 Lisboa (Prémio Valmor 1909)

Actual Sede do MBA da Fac. de Economia da Universidade Nova de Lisboa

Casa do General Adriano Augusto de Pina Vidal,
1902 Monte Estoril – Cascais (situação desconhecida)

Prédio de Miguel Ventura Terra,
1902-1903 Lisboa (Prémio Valmor 1903)

Prédio de Miguel Ventura Terra,
1902-1903 Lisboa (Prémio Valmor 1903) Casa de Jacinto Cândido,
1902-1904 Lisboa (demolida)

Prédio de Joaquim dos Santos Lima,
1902-1906 Lisboa

Casa de José Joaquim Migueis,
1902-1903 Lisboa (demolida em 1997)

Prédio do Comendador Emílio Liguori,
1902 Lisboa (interior demolido)

Casa de Guilherme Pereira de Carvalho,
1902 Lisboa (demolida)

Sinagoga Shaaré Tikvá,
1902-1904 Rua Alexandre Herculano – Lisboa...
tracking img