Vamos conhecer um pouco sobre os impactos socioambientais na amazônia? (9º ano do ensino fundamental)

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2038 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ. NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

LICENCIATURA PLENA EM GEOGRAFIA POLO SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA

TAREFA II - PRODUÇÃO DOCENTE LISLANDRO PALHETA DE SALES

SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA NOVEMBRO 2012

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL SISTEMA UNIVERSIDADE ABERTA DO BRASIL INSTITUTO FEDERALDE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO PARÁ. NÚCLEO DE EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA

METODOLOGIA DO ENSINO DA GEOGRAFIA PROFESSOR: ODIRLEI FERREIRA COUTO ALUNO: LISLANDRO PALHETA DE SALES

VAMOS

CONHECER

UM

POUCO

SOBRE

OS

IMPACTOS

SOCIOAMBIENTAIS NA AMAZÔNIA? (9º ano do Ensino Fundamental)

Trabalho apresentado ao Instituto Federal do Pará como critério de avaliação da disciplina Metodologia doEnsino da Geografia, orientado pelo professor, Odirlei Ferreira Couto.

SÃO SEBASTIÃO DA BOA VISTA NOVEMBRO DE 2012

Vamos conhecer um pouco sobre os impactos socioambientais na Amazônia?

Um pouquinho de história. A partir dos anos setenta do século XX, os impactos socioambientais na Amazônia começaram a se agravar. De lá para cá o problema só cresceu cada dia mais, principalmente devido à expansãocapitalista. O primeiro devassamento, ou seja, o primeiro grande impacto na Amazônia foi o da floresta tropical situada ao longo dos rios, furos, lagos e canais navegáveis, onde se buscavam as drogas do sertão (canela, cravo, anil, cacau, raízes aromáticas, sementes, madeiras, etc.). Observe a imagem que não somente as drogas, especiarias eram tiradas, outras espécies eram prejudicadas, eramdestruídas:

Em busca das drogas do sertão

Mas o histórico devassamento ocorreu entre as últimas décadas do século passado e as duas primeiras da atual, quando a Europa e os Estados Unidos industriais requeriam volumes maciços de borracha para a confecção de inúmeros objetos, desde os de uso doméstico até pneus para bicicletas, automóveis, materiais bélico (materiais usados em guerras) e de construçãonaval. Foi o ciclo da borracha.

O látex que posteriormente era transformado em grandes quantidades de borracha.

A borracha era exportada em grandes quantidades pra outros países, conforme já mencionamos. A partir dos anos 20 e 30 deste século tem início a invasão das frentes pioneiras agropecuárias e minerais, que penetram através dos enormes vãos das organizações extrativas de látex e decastanha. Ao lado dos empregos semi-escravizados dessas organizações, aparecem sitiantes, fazendeiros, novos empregados e garimpeiros. A mineração e a agricultura, junto com a exploração florestal, a produção de energia, os transportes, as construções civis (urbanização, estradas, etc.) e as indústrias básicas (químicas e metalúrgicas) são os causadores de quase todo o impacto ambiental existente naterra. Ainda hoje as áreas de garimpos existem e causam danos ao meio ambiente, assim como os fazendeiros que devastam grandes áreas de floresta para pastagem dos animais de suas fazendas:

Assim como toda exploração de recurso natural, a atividade de mineração provoca impactos no meio ambiente seja no que diz respeito à exploração de áreas naturais ou mesmo na geração de resíduos que agridem osolo e o contaminam. A figura a seguir demonstra as principais províncias mineiras do Brasil:

Figura 1 – Principais províncias minerais do Brasil.

A seguir, as Figura 2 e Figura 3 revelam situações de impactos ambientais causados pela atividade de mineração.

Figura 2 – Impactos sobre a fauna e a flora.

3 – Impactos sobre o solo

E não podemos de deixar de falar da área da Amazônia! É uma tarefadifícil definir exatamente a área territorial da chamada Amazônia. Em termos puramente geográficos, os limites da floresta amazônica em território brasileiro, tomando como ponto de partida o leste, principiam pouco antes da capital do Maranhão (São Luis); daí ela segue em direção ao sul, englobando três quartos da área desse estado, afunda-se cada vez mais para sudoeste, incluindo o tipo norte...
tracking img