Uso da terra, desmatamento e queimadas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 17 (4229 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade de Brasília

Faculdade de Economia, Administração, Contabilidade e Ciência da Informação e Documentação

ADRIANO SANTOS,
SHIRLEY VILELA
SÔNIA SANTOS

USO DA TERRA, DESMATAMENTO E QUEIMADAS

Rio Branco - Acre
2010

ADRIANO SALES SANTOS
SHIRLEY BRANA VILELA
SÔNIA MARIA FONTES

USO DA TERRA, DESMATAMENTO E QUEIMADAS

Trabalho apresentado a disciplina GestãoAmbiental do curso de Graduação em Administração.

Prof. Átila Rabelo

Rio Branco - Acre
2010

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 4
2 USO DA TERRA 5
2.1 DESMATAMENTO 6
2.2 QUEIMADAS 10
3 ANÁLISE CRÍTICA 13
CONSIDERAÇÕES FINAIS 17
REFERÊNCIAS 18

1 INTRODUÇÃO

O presente trabalho apresenta uma discussão sobre os impactos ambientais refletidos no uso da terra, desmatamento e queimadas noterritório acriano, propondo mostrar seu histórico, características e ações, bem como apontar as similaridades e diferenças entre desmatamento e queimada, a fim de destacar a importância de se assumir ambos os papéis para um futuro melhor do nosso planeta.
Impacto Ambiental é a alteração no meio ou em algum de seus componentes por determinada ação ou atividade. Estas alterações precisam serquantificadas pois apresentam variações relativas, podendo ser positivas ou negativas, grandes ou pequenas.
O objetivo de se estudar os impactos ambientais é, principalmente, o de avaliar as consequências de algumas ações, para que possa haver a prevenção da qualidade de determinado ambiente que poderá sofrer a execução de certos projetos ou ações, ou logo após a implementação dos mesmos.
O presente estudoexploratório e de natureza qualitativa, fundamenta-se em uma revisão bibliográfica sobre a Questão Ambiental, além de apresentar um estudo de caso, buscando-se fazer um diagnostico amplo da situação regularizadora do passivo florestal no Estado de acordo com os princípios do desenvolvimento sustentável.

Pesquisas exploratórias, segundo o Zoneamento Ecológico-Econômico do Estado do Acre, fase Ie II (2006) visam fornecer subsídios para orientar as políticas públicas relacionadas ao planejamento, uso e ocupação do território acriano, considerando as potencialidades e limitações do meio físico, biótico e sócio-econômico, seguindo princípios do desenvolvimento sustentável proporcionando uma visão geral de um determinado fato, do tipo aproximativo. A pesquisa qualitativa segundo Minavo(2003), mede as variáveis que expressam atributos e qualidade, medindo a presença ou a ausência de algo, ou mesmo medir o grau em que algo está presente.
2 USO DA TERRA

Nos anos 70, as políticas de governo ligadas ao Plano de Integração Nacional da Amazônia (PIN) favoreceram o avanço da ocupação do Estado. Os projetos ligados ao PIN eram bem articulados entre si e objetivavam não apenas ocupar aregião como uma estratégia de soberania nacional, mas também, e uma vez mais, solucionar problemas de outras regiões. Entre as iniciativas que favoreceram migrações para o Acre destacam-se os Projetos de Colonização Dirigida (PAD), a construção de rodovias e o incentivo a aquisição de terras por grupos empresariais do Sul do país (nacionais e estrangeiros). A ideia central de ocupação era a de que,retirando a floresta, garantia-se a propriedade da terra. Esses projetos aceleraram a conversão da floresta (nos lotes dos projetos de assentamento, em primeiro lugar a conversão da floresta era destinada a implantação das lavouras, principalmente culturas anuais, após o empobrecimento do solo ou aglutinação dos lotes a implantação de pastagem), cuja destinação era a produção agrícola em pequenaspropriedades. Houve também o crescimento pela ampliação do tamanho dos lotes iniciais pela aglutinação e compra de outros lotes.
Os processos de ocupação desencadeados com os projetos estabelecidos trouxeram modificações substanciais para a cobertura e uso da terra que foram acompanhadas, quase sempre, por desmatamentos para a implantação de novas atividades. Os seringais foram os primeiros a...
tracking img