Unigran net

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1322 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]
CURSO: PEDAGOGIA
DISCIPLINA : LEITURA E PRODUÇÃO DE TEXTO
PROFESSORA M.Sc.: NOHAD MOUHANNA FERNANDES

ACADÊMICO(a): Ariane Gaidargi da Silva RGM: 053.7202
POLO: Unigran Capital – Campo Grande MS





ATIVIDADES OBRIGATÓRIAS DAS AULAS 4 e 5 (Valor: 2,0)

AULA 4- A IMPORTÂNCIA DA COERÊNCIA E DA COESÃO PARA A LEITURA E A PRODUÇÃO DE TEXTOS
AULA 5- A LEITURA E A CONSTRUÇÃO DOSENTIDO

OBS.: individual.
Os exercícios a seguir são referentes às aulas 4 e 5. Você deverá enviar este arquivo com as atividades respondidas pelo Portfólio da aula 5.
Não há atividades a serem postadas no Portfólio da aula 4, uma vez que elas foram aqui conjugadas.


ATENÇÃO!
É de extrema importância:
- que as aulas sejam estudadas antes e/ou durante a resolução dos exercícios;
- quevocê leia com bastante atenção os enunciados das questões para que responda de forma adequada ao solicitado;
- que escreva de acordo com a norma culta da língua portuguesa;
- que você confira suas respostas antes de enviar o arquivo, pois não será possível refazer a atividade;
- que observe o prazo estipulado para o envio, pois não serão aceitas atividades fora do prazo;
- que não use meiosfraudulentos para resolver as atividades individuais.

1) Baseando-se no conteúdo sobre coerência e coesão de textos e após ler o texto seguinte, identifique o problema de coerência nele apresentado (repetição, progressão, ,relação ou contradição). Justifique a sua resposta. (0,6) Contradição, pois quem matou também iria morrer da mesma forma, sendo que que no começo é falado que apenas Deus tem odireito de tirar a vida de alguém, o ciclo de mortes continuaria e não seguiria a vontade de Deus como é citado, portanto ou é feita a vontade de Deus ou as mortes e penalidades continuariam.
“Antigamente, nos tempos de Brasil-Colônia, quem matasse alguém iria para a forca. Creio que isso não deveria mudar, pois só quem tira a vida de alguém é Deus. Portanto, quem se atreve a fazer isso, tem quesofrer na mesma moeda.”


As respostas das questões de 2 a 8 devem ser transcritas no gabarito ao final.
2) (PUC PELOTAS – RS) Em que frase o conectivo destacado é adequado à relação semântica que se pretende estabelecer? (0,2)
a) Não estive na reunião, não sei, pois, o que lá aconteceu.
b) Chegaremos a tempo, ainda que nos apressemos.
c) O artigo é extremamente extenso, porquanto é muitointeressante.
d) Talvez seja adiado o jogo entre Grêmio e Internacional, pois o estado do gramado não é dos piores.
e) Já não chove há mais de dois meses, apesar de que já se pense em racionamento de água e energia elétrica.

3) (ENADE 2005) Leia e relacione os textos a seguir: (0,2)

|O Governo Federal deve promover a inclusão digital, pois |
|a falta deacesso às tecnologias digitais acaba por excluir |
|socialmente o cidadão, em especial a juventude. |
|(Projeto Casa Brasil de inclusão digital começa em 2004. In: MAZZA, Mariana. JB online.) |















Comparando a proposta acima com a charge, pode-se concluir que
(A) o conhecimento da tecnologia digitalestá democratizado no Brasil.
(B) a preocupação social é preparar quadros para o domínio da informática.
(C) o apelo à inclusão digital atrai os jovens para o universo da computação.
(D) a dificuldade de acesso ao mundo digital torna o cidadão um excluído social.
(E) o acesso à tecnologia digital está perdido para as comunidades carentes.

4) (ENADE 2005) Leia as duas charges a seguir:(0,2)
[pic]

















(Laerte. O condomínio)
(Disponível em: http://www2.uol.com.br/laerte/tiras/index-condomínio.html)


As duas charges de Laerte são críticas a dois problemas atuais da sociedade brasileira, que podem ser identificados pela crise
(A) na educação básica e na comunicação.
(B) na assistência social e na habitação.
(C) na saúde e na...
tracking img