Uma empresa inovadora

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2526 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de julho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]


SISTEMA DE ENSINO PRESENCIAL CONECTADO
NOME DO CURSO

BÁRBARA BARRETO DE OLIVEIRA ALENCAR















apsen
UMA EMPRESA INOVADORA




















Irecê
2009



Bárbara barreto de oliveira alencar

















apsen
UMA EMPRESA INOVADORA








Trabalho apresentado aoCurso Bacharelado em Administração da UNOPAR - Universidade Norte do Paraná, para a disciplina de Fundamentos de Administração.


Orientador: Lucuane Soutello Koetz












Irecê

2009






1-INTRODUÇÃO

Ao discorrer, o presente estudo de caso, apresentará a excelente funcionalidade da empresa brasileira tradicional no mercadofarmacêutico (APSEN – Indústria Farmacêutica). A mesma apresenta resultados concretos em mais de quarenta anos, tendo como centro a valorização do potencial humano. Diferente de muitas outras, veio pra fazer a diferença na vida daqueles que de alguma forma utiliza seus produtos e serviços, buscando proporcionar sempre o bem estar de todos, seja clientes, funcionários, e/ou a sociedade como um todo.

AAPSEN, uma organização multicultural, utiliza-se de métodos que tratam seus colaboradores de forma justa e motivadora, usando sempre a democracia e a flexibilidade em situações diversas, visando não somente vantagens financeiras, mas, também o potencial intelectual e humano de cada um.




















2 –DESENVOLVIMENTO

A APSEN desenvolveu um modelo de gestão que tem comoponto fundamental a qualidade e a valorização de políticas de melhoria contínua e a satisfação do cliente além de implantar inovadoras Práticas de Gestão de Pessoas.

Vemos que essa age de acordo com a teoria comportamental (behavioral sciences), quando a vê como um sistema cooperativo racional e fundamenta-se no comportamento individual das pessoas buscando sempre novas soluções democráticas,humanas e flexíveis para os problemas.

Segundo HERZBERG (p.44, 2009) a teoria dos dois fatores: motivadores e higiênicos dá ênfase aos fatores motivacionais intrínsecos que são: o trabalho em si, a realização, as possibilidades de desenvolvimento, o reconhecimento e o progresso profissional. Foi visto no texto base: APSEN FARMACEUTICA, o exemplo de Tatu, o protagonista anônimo da história citadacomo exemplo. Segundo a hierarquia das necessidades humanas de Maslow que tem como base a pirâmide das necessidades humanas sendo elas, 1º necessidades fisiológicas (comer, dormir, saciar a sede e outras) 2º necessidades de segurança ( segurança emocional, física, estabilidade), 3º necessidades sociais ( reconhecimento, aceitação, consideração, interação social) 4º necessidades de auto- estima (confiança, admiração dos colegas, satisfação do ego, reconhecimento, status, auto-respeito) e 5º necessidades de auto-realização( realização pessoal, auto desenvolvimento, excelência pessoal). Percebe-se claramente que, o homem é motivado por necessidades organizadas em uma hierarquia prepotente, onde uma necessidade de ordem superior surge somente quando a de ordem inferior foi respectivamentesatisfeita.

A APSEN se preocupa com o ser de uma forma geral, no caso de Tatu, ele se satisfazia apenas saciando as necessidades fisiológicas, porém o presidente Renato Spallicci, vendo que a implantação do PAR (Programa APSEN Recicla) iria atingir diretamente aquele que por muitos anos se beneficiou com os papelões oferecidos pela empresa e vendo-o como alguém que já fazia parte da história damesma, achou justo fazer valer a tentativa de mudança na vida dele, contratando-o como funcionário e fazendo-o passar por um processo de integração social, que apesar de não ter sido uma tarefa fácil, através de colegas de trabalho que se dispuseram a ajudar na tarefa, convenceram Tatu que valeria a pena trocar a vida nas ruas pela rotina da empresa. Conseguiram fazer com que Tatu tirasse a...
tracking img