Tratamento de agua e esgoto hospitalar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2552 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
http://www.tratamentodeagua.com.br/R10/Biblioteca_Detalhe.aspx?codigo=1404
Identificação de compostos orgânicos e farmacêuticos em esgoto hospitalar utilizando cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massa
RESUMO
Os resíduos líquidos provenientes dos estabelecimentos assistenciais de saúde são mais complexos do que os esgotos domésticos. Sua composição contém inúmeros compostosfarmacêuticos, saneantes, elementos radiativos e de laboratórios. O conhecimento desses compostos pode auxiliar na escolha do tratamento adequado para esses esgotos e diminuir os impactos ambientais nos corpos receptores. A pesquisa foi realizada utilizando um sistema combinado (UASB e lodos ativados) para tratar a água residuária de um hospital. Neste trabalho, foram realizadas análisesfísico-químicas para caracterização do esgoto e cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa para identificação de compostos químicos farmacêuticos, podendo-se constatar a presença de inúmeros elementos residuais dos fármacos usados no hospital.
Introdução

Os resíduos de fármacos utilizados em hospitais apresentam grande impacto ambiental, já que foram utilizados para exercerem atividade biológica.Entre os impactos ambientais mais relevantes associados a resíduos farmacêuticos está a genotoxicidade, ou seja, a capacidade que algumas substâncias têm de induzir alterações no material genético de organismos a elas expostos (GIL; MATHIAS, 2005).

Um ponto crítico neste tema é saber se existe um nível elevado dessas substâncias no meio ambiente, com concentração suficiente para exercerefeitos adversos em seres vivos. Dados ecotoxicológicos são levantados por pesquisadores para se identificar fármacos potencialmente perigosos para o meio ambiente, porém, os dados disponíveis na literatura são insuficientes. A constatação da ocorrência desses fármacos residuais em águas superficiais e de subsolo demonstra uma necessidade de estudos que determinem os efeitos tóxicos desses fármacosno meio ambiente (BILA; DEZOTTI, 2003). Dargnat et al, em 2008, detectaram a presença de substâncias do tipo DIBP e o DEHP no rio Marme, na França, próximo ao lançamento do efluente de uma unidade de tratamento biológico de esgoto.

Para detecção de fármacos residuais em ambiente aquático na faixa de µg.L-1 e ng.L-1, os métodos descritos na literatura são baseados na extração em fase sólida, emalguns casos, derivatização da substância ácida e subsequente determinação do derivado por cromatografia gasosa acoplada à espectrometria de massa (CG-EM) ou cromatografia líquida de alta eficiência acoplada à espectrometria de massa (CLAE-EM). A detecção por espectrometria de massa é usada para assegurar a identificação das substâncias estudadas.

Ternes (2001), em seu estudo, fez uma revisão detodos os métodos analíticos utilizados na determinação de vários fármacos residuais, em níveis de ng.L, em diferentes matrizes aquosas. Entres estes, ele utilizou a CG-EM para detecção de analgésicos, antilipêmicos e metabólitos, anti-inflamatórios, antipiréticos, anticonvulsivantes, drogas psiquiátricas estrogênios e ácido clofíbrico.

Nos estabelecimentos assistenciais de saúde (EAS), sãogeradas grandes quantidades de resíduos líquidos provenientes de fármacos e, portanto, devem possuir unidade própria e adequada para tratamento de esgoto. Este trabalho teve como finalidade identificar compostos farmacêuticos residuais no esgoto de um EAS. O objeto do estudo foi a estação de tratamento de esgoto (ETE) do Hospital Geral Waldemar de Alcântara, no bairro de Messejana, em Fortaleza, noCeará.

 

Metodologia

Instalações da estação de tratamento

O tratamento dos despejos sanitários do Hospital Geral Waldemar de Alcântara (HGWA) foi feito em um reator anaeróbio (UASB), seguido por um aeróbio, do tipo lodos ativados (Figura 1). O volume do reator UASB é de 35 m3, com média de cinco horas do tempo de detenção hidráulica (TDH). O reator aeróbio (lodos ativados) possui...
tracking img