Trabalho interdiciplinar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1159 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PONTIFÍCIA UNIVERSIDADE CATÓLICA DE MINAS GERAIS
Curso de Ciências Contábeis



PRÉ-PROJETO DE PESQUISA (PLANO DE INVESTIGAÇÃO)
Metodologia do Trabalho Científico
















Contagem
2012
Dayana Pereira Azeredo Silva
Gabriela Dias de Araújo
Fabiana Costa Gonçalves
Isabela Lorrany da Matta
Maria Caroline Regis Matias
NatháliaGonçalves da Silva



PRÉ-PROJETO DE PESQUISA (PLANO DE INVESTIGAÇÃO)
Metodologia do Trabalho Científico



Pré-projeto apresentado a disciplina de Metodologia do Trabalho Científico da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.


Professor: Alexandre E. Teixeira






















Contagem
2012SUMÁRIO


1 APRESENTAÇÃO DE TEMA E PROBLEMA DE PESQUISA 4
2 JUSTIFICATIVA 6
3 OBJETIVO 8
REFERENCIAS: 9


1 APRESENTAÇÃO DE TEMA E PROBLEMA DE PESQUISA


Qual a freqüência que os alunos da PUC Minas Contagem consomem bebidas alcoólicas de forma abusiva no ano de 2012?

Segundo a Secretaria de Estado da Saúde de Minas Gerais (SESMG) citado por CARVALHO, Clara Coelho de;MACHADO, Edivânia Ribeiro de Souza; CARVALHO, Keila Pinto de; SOARES, Vagmar Carlos (2009), existe uma diferença entre consumir esporadicamente e consumir de forma abusiva a bebida alcoólica, e que o uso freqüente dessa substância acarreta danos para a vida de quem a consome podendo inclusive levar a dependência.


O uso de bebida alcoólica é classificado como consumo esporádico; já oabuso é classificado como o uso continuado, ou seja, é o uso compulsivo e freqüente desta substância que o usuário tem dificuldade de manter sob controle, acarretando abandono de outros interesses e danos para a sua vida afetiva, social e profissional e, por último a dependência, que é o uso excessivo e incontrolado. (CARVALHO, Clara Coelho de; MACHADO, Edivânia Ribeiro de Souza; CARVALHO, KeilaPinto de; SOARES, Vagmar Carlos, 2009).

De acordo com artigo publicado por Laís Cattassini (2011), pesquisa realizada com alunos da universidade de São Paulo indica que 27% dos estudantes relatam sentir necessidade ou urgência em beber semanalmente e outros 4% manifestam essa sensação diariamente. Para os especialistas, os números indicam uma relação de dependência. A pesquisa afirma aindaque dois a cada três estudantes universitários consomem álcool ao menos uma vez por semana. A diretora de ação comunitária Selma Setani do Centro de Referência de Álcool, Tabaco e Outras Drogas (CRATOD), explica no artigo que: “A dependência causa prejuízos na vida dos jovens. Por exemplo: 3% dos alunos que entrevistamos vivenciam problemas por causa da bebida semanalmente, perdem aulas,compromissos ou se envolvem em acidentes”. Através de um levantamento realizado pela Secretaria Nacional de Políticas sobre Drogas (SENAD) em artigo publicado no Jornal Globo (2010), 86% dos universitários brasileiros já consumiram álcool em algum momento da vida. A pesquisa mostra que o jovem universitário faz uso de bebidas alcoólicas com mais frequência em comparação ao resto da população no geral.Sendo assim, verifica-se um alto índice de envolvimento de universitários com as bebidas alcoólicas, e para que se possa analisar a frequência com que essa substância é consumida pelos alunos, foi escolhido como objeto para realização desse plano de investigação a PUC (Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais), comunidade acadêmica que está localizada em Contagem, na Rua Rio comprido, nº4.580, CEP: 32010-025, que reúne atualmente cerca de cinco mil alunos e oferece os cursos em diversas áreas de conhecimento, como: Administração, Ciências Contábeis, Direito, Engenharia Mecânica, Geografia, Serviço Social, Engenharia Elétrica e Sistemas de Informação. (Portal PUC Minas, 2012).

























2 JUSTIFICATIVA


Verificar a frequência com...
tracking img