Trabalho individual 10-05-12

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1580 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CURSO SUPERIOR DE TECNOLOGIA EM ANALISE E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS









ANÁLISE DE SISTEMAS I:
Modelagem da “Nossa Locadora de Livros”


































ANÁLISE DE SISTEMAS I:
Modelagem da “Nossa Locadora de Livros”























GURUPI
2012
Sumário
1. INTRODUÇÃO 42. OBJETIVO 5
3. DESENVOLVIMENTO 6
3.1 RAPID APPLICATION DEVELOPME - RAD 10
3.2 RATIONAL UNIFIED PROCESS - RUP 10
3.3 SCRUM 11
3.4 COMPARATIVO DAS METODOLOGIAS DE PROCESSOS 11
CONCLUSÃO 13
REFERENCIAS 14






INTRODUÇÃO



O mercado competitivo obriga cada vez mais asempresas a se adaptarem a novas tecnologias, para aumentar seus ganho ou dar velocidades para suas informações. A análise de sistemas vem como auxilio para estas empresas proporcionando um estudo nos processo a fim de encontrar o melhor caminho coerente para a informação.
Tendo como ponto de vista a conceituação da analise de sistemas propomos a realização de tal analise, com o intuito deimplantar um sistema de locação de livros para a empresa “Nossa Locadora de Livros” Faz-se necessário um levantamento tendo como consideração casos de usos, regras de negócios, metodologias de desenvolvimento empregadas dentre outras.



OBJETIVO



A avaliação dos conceitos ministrados é o objetivo deste trabalho, a fim de que possa apontar uma solução que atenda anecessidade de agregação de valores aos processos na empresa exemplificada.
O sistema proposto necessita atender as necessidades do cliente, oferecendo facilidades e agilidade nos processos da empresa. Para alcançarmos tais benefícios é preciso um estudo para identificar metodologias a serem empregadas bem como modelagens e diagramações.



DESENVOLVIMENTOEspecificar requisitos consiste em detalhar os cenários que compõem os casos de uso previamente identificados no modelo de caso de uso. A especificação de caso de uso descreve o comportamento do sistema e é o produto final das atividades do Analista de Requisitos, além de orientar todo o desenvolvimento também permite validar a compreensão dos requisitos antes do inicio do desenvolvimento do software.Podemos apresentar os seguintes casos de usos.
• Controla_Fornecedor
• Controla_Autor
• Controla_Livro
• Controla_Reserva
• Controla_Cliente
• Controla_Locação
• Controla_Pagamento

[pic]
Figura 1 – Diagrama de Caso de Uso

Regras de negócio,segundo ROSCA et al. (1997), é uma nova categoria de requisitos do sistema que representam decisões sobre como executar o negócio, e são caracterizadas pela orientação do negócio e sua tendência às mudanças.
As regras de negócio podem oferecer muitos benefícios: rapidez no desenvolvimento de software, melhor qualidade dos requisitos, facilidade de mudança e balanceamento entreflexibilidade e controle centralizado.
Relacionamento n..n (lê-se muitos para muitos) - quando tabelas têm entre si relacionamento n..n, é necessário criar uma nova tabela com as chaves primárias das tabelas envolvidas, ficando assim uma chave composta, ou seja, formada por diversos campos-chave de outras tabelas. A relacionamento então se reduz para uma relacionamento 1..n, sendo que olado n ficará com a nova tabela criada.


[pic]
Figura 4 – Relacionamento muitos-para-muitos


Relacionamento 1..n (lê-se um para muitos) - a chave primária da tabela que tem o lado 1 vai para a tabela do lado N. No lado N ela é chamada de chave estrangeira;

[pic]
Figura 3 – Relacionamento um-para-muitos

Relacionamento 1..1 (lê-se...
tracking img