Trabalho de resumo do capitulo 7 de peter heather

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2438 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 28 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Universidade Nova de Lisboa
Faculdade de Ciências Sociais e Humanas














Disciplina: História Medieval (séculos V a XII)
Docente: Professora Doutora Maria João Branco
Discente: Nuno Gonçalo Simões Martins - nº 34570
1º Ano
Turma B





As chamadas «invasões bárbaras» tiveram um efeito preponderante no que viria a ser a Europaapós a queda do Império Romano no Ocidente. No entanto, há uma questão que continua em aberto: será o termo «invasão» apropriado, ou o processo de deslocação destes povos, foi apenas o resultado final de múltiplos fatores[1]? Que consequências tiveram estas invasões para a Europa medieval? Ao longo deste trabalho de resumo, tendo como referência o capítulo “Una Nueva Europa”, do livro Emperadoresy Bárbaros de Peter Heather, procurarei demonstrar quais são as opiniões do autor quanto a esta matéria.
De facto, contrariamente ao que se pensava e escrevia durante o século XVIII e até ao século XX, a queda do Império Romano Ocidental foi o resultado de uma longa evolução positiva, marcada por episódios violentos, e não um ato simplista com o objetivo de aniquilar um inimigo[2], poisestes grupos tanto lutavam contra o Império Romano como se guerreavam entre si, atuando de forma autónoma. Conforme refere o autor, no início do capítulo, a teoria de que foram entidades culturalmente semelhantes, que iniciaram um processo organizado de invasão está completamente ultrapassado pelas perceções revisionistas mais modernas que atestam que estes mesmos grupos se foram moldando ao longo deséculos, mediante as dificuldades e privações que iam enfrentando e que através de uma forte liderança escolhida no seio do grupo e com base em negociações com o Império souberam impor-se, criar o seu espaço e ampliá-lo, sendo esta uma das principais razões para a queda do Império Romano do Ocidente.
Mas quais foram as causas para este movimento extraordinário de pessoas? E que influênciateve na queda de um Império, que apesar de inúmeras convulsões políticas, era territorialmente estável há mais de quatrocentos anos?
Não há dúvida que a entrada destes «bárbaros», no espaço imperial desempenhou papel fundamental na queda do império. Porém o enfraquecimento do estado romano não aconteceu de um dia para o outro, mas proveio em grande parte da entrada em massa destes grupos.De facto, estes agregados provenientes das fronteiras do império, instalaram-se solidamente na Europa Ocidental até 410[3], reconhecendo o Imperador (pelo menos até à deposição de Rómulo Augústulo em 476) como soberano demonstrando reconhecimento pela potestade. Em segundo lugar, este movimento migratório não aconteceu numa só fase. Prolongou-se durante trinta e cinco anos, ocorreu em duasetapas[4]: 376- 386 e 405-408; e esteve diretamente relacionado com dois fatores: o avanço Huno[5], grupo nómada de origem euroasiática, e a pressão exercida por este sobre conjuntos de povos germânicos que vivam tanto na periferia interior como na periferia exterior do Império e também os diferentes níveis de desenvolvimento das províncias que ditaram os trajetos a tomar por parte destes novos grupos.Como escreveu Santo Ambrósio: «os Hunos precipitaram-se sobre os Alanos, os Alanos sobre os Godos, os Godos sobre os Taifalas e os Sármatas; os Godos, expulsos da sua pátria, expulsaram-nos a nós para o Ilírico. E ainda não acabou[6]». Elucidativo.
Peter Heather no entanto não atribui a queda do Império Romano apenas as invasões. Aliás, o autor prefere mesmo usar o termo migrações, ou asVölkerwanderungen[7], para descrever a entrada destes povos. De facto, depois de consolidarem o seu domínio, através de atos de violência ou de simples negociações com os aristocratas locais, preferencialmente em províncias desenvolvidas, procuram continuar a desenvolver relações com o Império para que a sua sobrevivência e autonomia ficassem garantidas. No entanto, ao autorizar a permanência destes...
tracking img