Trabalho academico interdisciplinar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1790 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

SUMÁRIO

1 INTRODUÇÃO 3

A FORMAÇÃO DO INDIVÍDUO SOCIAL....................................................................3
2.1 O PAPEL SOCIAL DA ESCOLA JUNTO À FAMÍLIA.............................................4
2.2 O PROFESSOR NO PROCESSO ENSINO-APRENDIZAGEM.............................4

3CONCLUSÃO...........................................................................................................5

REFERÊNCIAS............................................................................................................6

INTRODUÇÃO

A busca incessante pelo conhecimento passou a ser mais que um diferencial na formação dos sujeitos. Estar em constante aprendizado passou a ser requisito básico para qualquer pessoa que queira manter um altonível de empregabilidade e intelectualidade na sociedade em um mercado que exige atualização a todo instante. A escola deve fazer questão de contribuir nessa evolução, não preparando apenas os cidadãos para a vida, pois ela é a própria vida, um local de vivência da cidadania.
Mas a escola por si mesma, jamais cumpriria o seu papel se não trabalhasse lado a lado com o professor e a família noprocesso da educação. Desta forma, professor, família e escola devem se preocupar e estarem atrelados para que os indivíduos (a sociedade em si) ingressem na educação e se interessem por ela, já que a mesma tem sido tão desvalorizada por muitos, refletindo um alto índice de analfabetos em pleno século XXI, incluindo os analfabetos funcionais.
Devido à exigência da sociedade de um indivíduopotencialmente capacitado, torna-se necessário que tanto a escola como instituição de formação desse indivíduo, quanto o professor, responsável pelo conhecimento no processo de formação, bem como a família, “berço” moral de cada indivíduo, estejam plenamente presentes e constantes como fontes de aprimoramento, capacitação e formação daqueles que desempenharão o papel de futuros cidadãos, que por sua vez,deverão estar enquadrados dentro das exigências da sociedade.
Desse ponto de vista, a finalidade desta dissertação é apresentar o professor, a escola e a família como formadores do indivíduo social despertando no mesmo sua potencialidade e influência na sociedade em que vive.

2 A FORMAÇÃO DO INDIVÍDUO SOCIAL

O termo Educação é muito abrangente, pois envolve todo o processo deconvivência do ser humano no contexto em que está inserido. Desde a Antiguidade a educação tem se apresentado como uma das necessidades básicas do ser humano. Entre os povos primitivos, por exemplo, a educação já estava presente e era caracterizada pela “educação através da imitação, cerimônias de iniciação e animismo – crença de que tudo possuía uma alma” (Cambi, 1999), em que os primeirosprofessores eram, inicialmente, os chefes de grupos familiares.
Entre os modelos de educação da antiguidade, podemos citar o modelo grego, sobretudo caracterizado pela filosofia, que foi a origem da nossa tradição ocidental, onde a escola já tinha o seu papel social, recebendo os filhos da classe dirigente e da classe média, dando-lhes uma instrução básica. Foi na Grécia também que nasceua figura do educador, o pedagogo, que era um acompanhante de criança que a controlava e a estimulava.
Com a modernidade os fins da educação mudaram, mas a figura da escola, da família e do professor ainda continuam lado a lado com o mesmo ideal: formar o indivíduo para a demanda da sociedade. E é nesse contexto que descobrimos a importância dos mesmos para nossa sociedade, ondevence o indivíduo que melhor desenvolver suas potencialidades.

2.1 O PAPEL SOCIAL DA ESCOLA JUNTO À FAMÍLIA

São muitas as demandas da sociedade, levando em consideração os diferentes aspectos referentes à mobilidade social, desenvolvimento econômico e renda per capta, e se percebe que o percentual de famílias carentes é muito significativo. As famílias de baixos recursos...
tracking img