Todos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1576 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de agosto de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
PVC

O PVC é particularmente atraente para a fabricação de tubos e perfis para a construção civil, não só por suas propriedades mecânicas, como pelo fato de adquirir, com a presença de aditivos, inúmeras características que o diferenciam de outros polímeros.
A maioria dos produtos fabricados em PVC duram em média mais de 50 anos, o que o torna um material durável ou de longa vida útil, além deser reciclável, sendo, por essas características, utilizado principalmente na construção civil.
Fórmulas
O PVC é um polímero obtido a partir do cloreto de vinila, um monômero formado pela reação de cloro (57% em peso do polímero) e eteno (43% em peso).
Monômero Polímero

Materiais Fabricados
A descoberta doPVC poli (cloreto de vinila), ocorreu em 1872, por um cientista chamado Baumann, que observou a formação de um pó branco ao expor um gás, o cloreto de vinila (VC), à ação dos raios solares durante vários meses em recipiente fechado. No entanto, foi somente em 1931, na Alemanha, que surgiu o interesse comercial por esta nova resina e consequentemente teve inicio a sua produção industrial.
Em termosde comercialização, é uma das 3 resinas de maior volume de produção entre os inúmeros polímeros e copolímeros vinílicos. A divisão do consumo de PVC por aplicação, no Brasil, em 2007, é resumida em: 44,2% para tubos e conexões; 16,2% para laminados e espalmados; 4,7% em embalagens (filmes e frascos); 5,9% em fios e cabos; 15,7% em perfis para construção civil; 6,2% em calçados; 2,1% em mangueirase 5,0% em outras aplicações específicas, segundo os fabricantes de resinas de PVC Braskem e Solvay Indupa.
O PVC é um pó branco, em estado sólido à temperatura ambiente; inodoro ou de odor brando e quimicamente estável, não ocorrendo decomposição ou reação com outros produtos em condições normais, o que o classifica como não corrosivo, não explosivo ou não inflamável.
Um dos piores problemas decontaminação no processo de reciclagem, é o apresentado pelas resinas PVC e PET. Ambas possuem densidade em torno de 1,3 - 1,35 g/cm3 e não são, portanto, separáveis pelo método de flotação convencional. Se o PET estiver contaminado com PVC, este se degradará durante o processamento do PET, devido à elevada temperatura exigida. Se o PET, entretanto, estiver contaminando o PVC, deverá sereliminado do processo, por filtração, pois não funde à temperatura de processamento deste.
Os produtos em PVC celular (microporosos) - as espumas - são produzidos com a introdução de um agente expansor na formulação do plastisol, que sob determinadas condições se decompõe liberando gases que formarão as células. Dependendo do teor de plastificante e da resina utilizada, as espumas podem ser formadas porcélulas abertas ou fechadas e serem do tipo rígido ou elastômero (de comportamento semelhante à borracha).

Tempo de Degradação

A análise do ciclo de vida, por definição, a partir da série de normas ISO 14000 do subcomitê SC5, constitui-se num instrumento que permite o desenvolvimento de critérios e procedimentos objetivos para a avaliação do impacto ambiental de produtos. Esta avaliaçãoconsidera o ciclo de vida completo do produto, isto é, desde a sua concepção (projeto) até o término da vida útil, com a sua disposição ou recuperação. Envolve, portanto, a contabilização de muitos parâmetros durante os diferentes estágios de processo de um produto, a sua distribuição e a gestão dos rejeitos, parâmetros esses que podem mudar ou variar de região para região.
Para a realização daanálise do ciclo de vida de um material, leva-se em consideração critérios de eficiência técnica, econômica e ambiental, com vistas a determinar as condições de contorno para a sua fabricação. Estas condições, também conhecidas como limites de um sistema, delimitam o conjunto de operações industriais ou "sistema industrial" e o "sistema meio ambiente".
A ABIVINILA - Associação Brasileira das...
tracking img