Tipos de fornos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1505 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
N
O

ENGECONAS

L
S






Engenharia Industrial
Projetos
Planejamento
Consultoria
Treinamentos



Cortesia

1

Prefácio
Esse trabalho foi desenvolvido no sentido de suporte
ao cliente, num oferecimento da Inbra Metais.
A Inbra Metais preocupa-se a cada dia mais com
seus clientes pois entendemos que nos dias atuais a
relação fornecedor cliente não e nada menosque
uma forte relação de verdadeira parceria.
Inbra Metais
IMPORTANTE:
Embora não sendo proibido, é desaconselhável o uso desse material por pessoas que não
participaram da apresentação, pois esse material é apenas informativo e não contém
esclarecimento das dúvidas dos participantes, bem como alguns assuntos discutidos
durante a apresentação.

Engeconas
2

TIPOS DE FORNOS MAISCOMUNS
Elétricos
INDUÇÃO
RESISTÊNCIA GLOBAR
CADINHO

Chama (Gás ou Óleo)
CHAMA DIRETA
CHAMA INDIRETA

3

Elétricos
INDUÇÃO
Bobina

Rápido
Mantem óxido em suspensão

Line

Necessita controle periódico do line uma vez que os óxidos
acumulados na parede alteram os valores de indução
necessitando maior ou menor potência com risco de
descontrole da temperatura
4

ElétricosCadinho

Cadinho
Resistência

Line

Lento

Baixo nível de oxidação
Requer cuidado com o cadinho para reduzir
oxidação das paredes e evitar choques (batidas)
5

Elétricos
Globar

Resistência Globar

Irradiação

Banho

Lento
Grande probabilidade de formação de corundum
requer limpeza semanal das paredes.
6

Chama
Óleo ou Gás
Cadinho

Banho

Line

Chama indiretaMaçarico

Lento
Baixo nível de oxidação requer atenção na região da
chama uma vez que provoca oxidação e rompimento
nessa área
7

Chama
Óleo ou Gás
Chama direta

Line

Banho

Combustão gás ou óleo produz vapor de água
Muita facilidade de oxidar o banho
8

Chama direta

Chama

Óleo ou Gás

Line
Banho

Relativamente rápido
Bom nível de limpeza do banho
9

CUIDADOS COMA MATÉRIA PRIMA

•Liga pronta

•Preparação da Liga

10

CUIDADOS COM A MATÉRIA PRIMA

Liga pronta
Avaliação da liga quanto a composição química
Avaliação do lingote quanto a rechupes,
oxidação,defeitos internos como grandes bolhas de gás
Granulação grosseira e muito brilhante

11

CUIDADOS COM A MATÉRIA PRIMA

Preparação da Liga
A preparação da liga pelo próprio fundidorpode ser feita
mas é seguramente de baixa produtividade.
Requer bom conhecimento e controle da origem e tipo de
sucata.
Sua preparação é mais lenta uma vez que os elementos de
liga devem ser dissolvidos no banho e isso pode significar
necessidade de forno específico para preparação.
Usar anti-liga para adição de elementos de liga sempre.
12

CARREGAMENTO DOS FORNOS
SEGURANÇA
O lingotedeve ser transportado e estocado em local
seco
Para uso de retorno como refugo, bolsas e canais se
resfriados água, devem ser secos em estufa antes de
adicionado ao banho

Adição de material úmido ao banho pode causar
explosões de conseqüências incalculáveis.
Escumadeiras, conchas e outras ferramentas que
entre em contato com o banho devem estar pintadas e
bem secas
13

CARREGAMENTODOS FORNOS
QUALIDADE
A qualidade do seu produto pode ser afetada se alguns
cuidados não forem tomados na fusão
Devem ser evitados a adição de

Latinhas
Materiais com insertos ferrosos como parafusos
buchas

Materiais semelhantes como Zamak e Antimônio
podem ser facilmente confundidos com Alumínio e
trazer problemas para seu produto.
Mesmo ligas de alumínio dependendo da
composiçãopodem
afetar
seu
processo,
especialmente as ligas de alto Si e alto Zn
14

CARREGAMENTO DOS FORNOS
QUALIDADE

Alguns materiais como ferro, silício, cromo e outros
embora tenham ponto de fusão mais alto que o do
alumínio, dissolvem-se facilmente quando no banho.
Deve-se evitar usar temperatura maior que 800 °C ,
isso provocaria destruição de núcleos que são
necessários para uma...
tracking img