Tig 2

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4596 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BELO HORIZONTE UNI-BH







A





BR 381
Cidades Sustentáveis: Estudo de caso sobre o índice de acidentes na BR 381
com recorte para um determinado trecho a partir de Belo Horizonte.










Belo Horizonte 2012

ALESSANDRA CARVALHO SOARES
CLAUDIO ROBERTO GARCIA
ELISANGELA NATÁLIA A. BARBOSA
RAFAELA BULL
VIVIANE ROCHA DE PAULA SILVAWAGNER INÁCIO DE OLIVEIRA






BR 381
Cidades Sustentáveis: Estudo de caso sobre o índice de acidentes na BR 381
com recorte para um determinado trecho a partir de Belo Horizonte.






Trabalho apresentado ao Curso de Gestão da Qualidade para obtenção de créditos parciais na disciplina Trabalho Interdisciplinar de Graduação II, sob a orientação daProf.(a). Lílian Oliveira Moura.







Belo Horizonte
2012

SUMÁRIO




1- INTRODUÇÃO 3
1.1 Justificativa 3
1.2 Problema 4
1.3 Objetivo Geral 4
1.4 Objetivos específicos 5
1.4.1 Processos industriais – fluxo modal rodoviário 5
1.4.2 Comportamento organizacional – conseqüências psicológicas após um acidente 6
1.4.3 Marketing empresarial – a importância da economia que é geradapelos rodoviários 7
1.4.4 Ferramentas da qualidade – causas e efeitos dos problemas enfrentados nas rodovias 8
1.4.5 Contabilidade – levantamento de custos da rodovias 8
2- DESENVOLVIMENTO 9
2.1 Sustentabilidade 10
2.2 Dados estatísticos 11
3- METODOLOGIA 12
4- RESULTADOS 15
4.1 Questionário realizado pelo grupo feito para a Policia Rodoviária Federal respondido pelo Inspetor AdilsonSouza, Chefe de Comunicação Substituto. 17
5- DISCUSSÃO DOS RESULTADOS 18
6- CONCLUSÃO 19
7- CRONOGRAMA 19
8- BIBLIOGRAFIA 20










1- INTRODUÇÃO


1. Justificativa


A BR 381 é uma rodovia diagonal, com extensão de 1.169,30 km passando pelas localidades de São Mateus, Nova Venécia, Barra de São Francisco, Mantena, Central de Minas, Divino das Laranjeiras, GovernadorValadares, Ipatinga, Belo Horizonte, Betim, Pouso Alegre, Bragança Paulista e São Paulo. (DNIT, 2012)


Considerada uma das rodovias mais perigosas do estado de Minas Gerais, nos 100 km de Belo Horizonte a João Monlevade são mais de 200 curvas só nesse trecho, o trafego de veículo é muito alto é necessário adequar à rodovia, duplicação com a correção dos raios de curva que são inadequados para otrafego de hoje.


O banco de dados de acidentes é formado tomando-se por base os registros efetuados pelo Departamento de Polícia Rodoviária Federal - DPRF, nas rodovias federais sob jurisdição do DNIT, que os remete à Coordenação Geral de Operações Rodoviárias - CGPERT/DIR, para processamento e crítica. Em seguida esses dados são associados às características das rodovias em que ocorreram, dotráfego e dos veículos.  (DNIT, 2012)


O acidente de trânsito é uma ocorrência que afeta diretamente o cidadão, por isso são aspectos relacionados com a morte, incapacitação física, perdas materiais, podendo provocar sérios comprometimentos psicológico, muitas vezes de difícil superação. A importância das estatísticas e das pesquisas médico-hospitalares, como elemento de suporte ao conhecimentodas reais consequências dos acidentes sobre as condições físicas de suas vítimas.

2. Problema


Índice do crescimento de acidentes nos 100 km do trecho de Belo Horizonte a João Molevade.




3. Objetivo Geral


O objetivo geral deste estudo de caso consiste em conhecer para identificar os aspectos sociais, econômicos e ambientais que estão diretamente relacionados com o grande númerode acidentes.


4. Objetivos específicos


• Descrever o fluxo do modal rodoviário;
• Identificar conseqüências do stress pós traumático sobre as vitimas de acidente;
• Identificar a importância do fluxo de transporte de cargas e pessoas na economia do pais;
• Identificar o problema e suas causas através do diagrama de Ishikawa;
• Identificar os custos da...
tracking img