Teste de morisky-green e brief medication questionnaire para avaliar adesão a medicamentos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 19 (4638 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Rev Saúde Pública 2012;46(2):279-89

Artigos Originais

Angela Jornada Ben Cristina Rolim Neumann Sotero Serrate Mengue

Teste de Morisky-Green e Brief Medication Questionnaire para avaliar adesão a medicamentos
The Brief Medication Questionnaire and Morisky-Green Test to evaluate medication adherence

RESUMO
OBJETIVO: Analisar a confiabilidade e o desempenho da versão em português deinstrumentos de avaliação da adesão ao tratamento anti-hipertensivo. MÉTODOS: Pacientes hipertensos atendidos de janeiro a setembro de 2010 em uma unidade de atenção primária em Porto Alegre, RS, foram selecionados aleatoriamente (n = 206). Na avaliação da adesão foram utilizadas versões em português do Teste de Morisky-Green (TMG) e do Brief Medication Questionnaire (BMQ). Foram analisadosconsistência interna, estabilidade temporal e desempenho com relação a três padrões-ouro: controle inadequado da pressão arterial (≥ 140/90 mmHg); taxa insuficiente de retirada de medicação na farmácia da Unidade Básica de Saúde (< 80%); e a combinação de ambos. RESULTADOS: Dos pacientes avaliados, 97 utilizavam medicamentos dispensados somente pela farmácia da Unidade Básica de Saúde. Os testesapresentaram boa consistência interna: BMQ α de Cronbach de 0,66 (IC95% 0,60;0,73) e o TMG 0,73 (IC95% 0,67;0,79). O desempenho do BMQ no domínio regime apresentou sensibilidade de 77%, especificidade de 58% e área sob a curva ROC de 0,70 (IC95% 0,55;0,86), e o TMG sensibilidade de 61%, especificidade de 36% e área sob a curva ROC de 0,46 (IC95% 0,30;0,62). A correlação entre o BMQ e o TMG foi de r =0,28, p > 0,001. A baixa adesão ao BMQ está associada a maiores níveis tensionais quando comparada com pacientes aderentes (148,4 [dp 20,1] vs 128,8 [dp 17,8], p < 0,001), mas não para o TMG.
Programa de Pós-Graduação em Epidemiologia. Faculdade de Medicina. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, Brasil Correspondência | Correspondence: Cristina Rolim Neumann Faculdade deMedicina Universidade Federal do Rio Grande do Sul R. Ramiro Barcelos, 2400 – Santa Cecília 90035-003 Porto Alegre, RS, Brasil E-mail: cristinaneumann@via-rs.net Recebido: 12/5/2011 Aprovado: 13/10/2011 Artigo disponível em português e inglês em: www.scielo.br/rsp

CONCLUSÕES: O BMQ apresentou melhor desempenho que o TMG, com maiores sensibilidade e especificidade. A avaliação da adesão pode auxiliaro clinico na discriminação entre uso inadequado da medicação e esquema terapêutico insuficiente. DESCRITORES: Hipertensão, terapia. Anti-Hipertensivos, uso terapêutico. Adesão à Medicação. Questionários, utilização. Sensibilidade e Especificidade. Reprodutibilidade dos Testes.

280

Adesão a anti-hipertensivos: Morisky e BMQ

Ben AJ et al

ABSTRACT
OBJECTIVE: To analyze the reliabilityand performance of the Portuguese version of questionnaires used to evaluate adherence to hypertensive treatment. METHODS: Hypertensive patients attending a primary healthcare unit in Porto Alegre, Southern Brazil, from January to September 2010, were randomly selected (n = 206). To evaluate adherence, Portuguese versions of the Morisky-Green test (MGT) and the Brief Medication Questionnaire (BMQ)were used. The analysis considered internal consistency, temporal stability and performance compared to three gold standards, which are: inadequate control of blood pressure (BP ≥ 140/90 mmHg); insufficient rate of medication acquisition at the institution’s pharmacy ( 0.001. Low adherence per the BMQ is associated with higher blood pressure levels when compared to adherent patients (148.4 [SD20.1] vs 128.8 [SD 17.8]; p 1 no escore de problemas encontrados pelo BMQ apresentou melhor equilíbrio entre sensibilidade e especificidade nos três padrões-ouro. Esse ponto de corte pode ser utilizado para rastreamento da baixa adesão. Para identificar um padrão clínico mais específico associado à baixa adesão observada nos questionários foi analisado o perfil dos pacientes com alta e baixa adesão....
tracking img