Teoria literaria

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3359 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 22 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
NOÇÕES BÁSICAS:
O QUE É LITERATURA?
“Arte literária é mimese (imitação); é a arte que imita pela palavra”. (Aristóteles, séc. IV a.c.) 
Assim:
• Literatura como imitação da realidade; Manifestação artística;
• A palavra como matéria-prima; Manifestação da expressividade humana.

FUNÇÕES DA LITERATURA:
• Função evasiva – fuga da realidade;
• Função lúdica – jogo deexperiências sonoras e de relações surpreendentes;
• Função de “Arte pela arte” – descompromissada das lutas sociais (Parnasianismo)‏
• Função de literatura “engajada” – comprometida com a defesa de certas idéias políticas.
Nosso interesse está na literatura dita “canonizada” – conjunto de obras escritas e aceitas como artisticamente valiosas e representativas de nossa herança cultural.Ex. “Dom Casmurro”, de Machado de Assis; “Vidas secas”, de Graciliano Ramos; “A Hora da Estrela”, de Clarice Lispector, dentre outras. 

LITERATURA É A ARTE DA LINGUAGEM ESCRITA, QUE EXPLORA TODAS AS POTENCIALIDADES DE COMUNICAÇÃO E EXPRESSÃO E É CAPAZ DE TRANSPOR LIMITES DE TEMPO E ESPAÇO.
 
Texto Literário:
ênfase na expressão; linguagem conotativa;
linguagem mais pessoal, emotiva;recriação da realidade;
ambigüidade – recurso criativo

Texto não-literário:
ênfase no conteúdo; linguagem denotativa;
linguagem mais impessoal; realidade apenas traduzida;
Normalmente sem ambigüidade ou duplas interpretações.

Texto 1: “Uma nuvem colossal em forma de cogumelo sobre a cidade japonesa de Hiroxima assinala a morte de 80 mil de seus habitantes – vítimas doprimeiro ataque nuclear do mundo, em 6 de agosto de 1945. O lançamento da bomba, uma das duas únicas do arsenal americano, foi feito para forçar os japoneses à rendição. Como não houve resposta imediata, os americanos lançaram outro “artefato” remanescente sobre Nagasaqui e os russos empreenderam a prometida invasão à Manchúria. Uma semana depois, o governo japonês concordou com os termos darendição e a capitulação formal foi assinada em 2 de setembro.” (“A sombra dos ditadores”, História dos ditadores, 1993, p.88)‏

Texto 2: A ROSA DE HIROXIMA
(Vinícius de Moraes) 
Pensem nas crianças
Mudas telepáticas
Pensem nas meninas
Cegas inexatas
Pensem nas mulheres
Rotas alteradas
Pensem nas feridas
como rosas cálidas

Quanto à disposição gráfica, um texto literário pode ser:
Prosa:em linhas “corridas”.
Poesia (verso): a cada linha dá-se o nome de verso e ao conjunto deles, estrofe.
Estilo individual: é o estilo único de determinado escritor, ou seja, sua visão única e modo próprio de criação literária.
Estilo de época: características comuns em obras de autores diferentes, mas contemporâneos. Ex. embora Bernardo Guimarães e José de Alencar tenham estilos diferentes, ambospertencem ao Romantismo.

GÊNEROS LITERÁRIOS: Conjuntos de elementos semânticos, estilísticos e formais utilizados pelos autores em suas obras, para caracteriza-las de acordo com a sua visão da realidade e o público a que se destinam.
Lírico: sentimental, poético. Épico: narrativo. Dramático: teatro.

GÊNERO DRAMÁTICO: textos para serem representados no palco.
• Tragédia: fato trágico queprovoca reação de medo ou compaixão. Ex. “Édipo Rei”, de Sófocles.
• Comédia: satirização dos costumes sociais. Ex. “O Rei da Vela”, de Oswald de Andrade.
• Drama: envolve a tragédia e a comédia. Ex. “Eles não usam black-tie”, de G. Guarnieri.
• Farsa: pequena peça que critica a sociedade e seus costumes. Ex. A Farsa de Inês Pereira”, de Gil Vicente.
• Auto: peça breve, de tema religioso ouprofano, de aspecto moralista. Ex. Auto da Barca da Glória, de Gil Vicente.
 
GÊNERO LÍRICO: Seu nome vem de lira, instrumento musical que acompanhava os cantos dos gregos. Por muito tempo, até o final da Idade Média, as poesias eram feitas para serem cantadas. Nas obras líricas notamos o predomínio dos sentimentos, da emoção, o que as torna subjetivas. Pertencem a este gênero os poemas em...
tracking img