Teoria do super-homem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (280 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Teoria do super-homem

Friedrich Nietzsche foi um grande filósofo alemão que deixou uma ruptura na cultura ocidental com suas obras, ideias e teorias, sendoque uma delas foi a teoria do super-homem, uma teoria que se opunha a ideias igualitárias, pois de acordo com seu pensamento tais ideias não libertavam umapessoa, e sim as acorrentavam.
Tal teoria tenta mostrar que o modelo de homem perfeito é aquele que é
inteligente, hábil, valente, que segue suas próprias regras eesta acima de tudo e todos.
Para alguém se tornar um super-homem de acordo com sua teoria era preciso deixar de lado alguns sentimentos, como o amor, por serum sentimento que aqueles do rebanho deveriam ter. O rebanho eram aqueles que não eram super-homens e só serviam como ''degraus'' para que um verdadeiro modelode homem perfeito pudesse se tornar cada vez mais forte fisicamente e mentalmente passando por cima deles, pois tais homens perfeitos eram aqueles que seguiavam por sua vontade de poder, pelo seu amor à luta, por seu desejo de superar a si próprio e os outros. E só tais pessoas poderiam criar novos valores, mudar amoral, as regras da sociedade por serem mais evoluído em comparação aos outros e sempre estarem em um processo de evolução.
O livro Assim falou Zaratustra escritopor Nietzsche em 1883 tem como ideia centra que os seres humanos são uma forma transicional do macaco para o super-homem e explica os passos que os homenspodem seguir para evoluírem e se tornarem um super-homem, uma raça superior que é esperada para que possa criar novos valores, trazer sentido a vida e esperança.
tracking img